BUSCAR
BUSCAR
Bastidores
Rogério Marinho costura apoios para possível candidatura em 2022
Apesar de negar quaisquer pretensões eleitorais,, Rogério Marinho dá mostras que está preparando terreno para fortalecer uma possível candidatura
Redação
13/01/2021 | 06:22

O ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, nega ter pretensões eleitorais ao Governo do Rio Grande do Norte em 2022. Nos bastidores, no entanto, ele dá sinais que tem articulado apoio político para assumir a gestão estadual, impedindo a reeleição de Fátima Bezerra (PT). No últimos dias, em momentos de folga em terras potiguares, o integrante do governo Bolsonaro já se reuniu com políticos de diversas legendas partidárias.

Uma foto publicada no último final de semana no perfil oficial no Instagram do deputado estadual Tomba Farias (PSB) reforçou essa especulação.
O registro capturou o encontro entre o parlamentar, o ministo Rogério Marinho, o desembargador do Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região (TRT-RN), Eduardo Rocha, além dos colegas ministros, Jorge Oliveira (Tribunal de Contas da União) e André Mendonça (Justiça e Segurança Pública).

As reuniões de Rogério Marinho e diversos políticos, que ocorrem em casas luxuosas do litoral Sul do Estado, são pautadas por discussões sobre o futuro eleitoral do ministro. Isso porque a expectativa é que Marinho comece a analisar por qual legenda deve se filiar. Sem partido desde junho passado, quando deixou o PSDB, espera-se que o ministro escolha algum partido integrante da base de Bolsonaro.

Essa condição, contudo, não é a única. Imagina-se que o apoio político local também será considerando, o número de prefeitos e deputados que cada legenda tem no Estado.

Outra discussão é sobre o fortalecimento do nome de Marinho no Rio Grande do Norte. Em 2018, ele não conseguiu se reeleger deputado federal.
O resultado das urnas comprovou o desgaste do então parlamentar ao relatar a reforma trabalhista durante a gestão Michel Temer. Situação que ficou ainda mais em evidência quando ele passou a ser o articulador da reforma da Previdência aprovada em 2019.

Pensando no número de prefeitos, o MDB foi o partido que elegeu mais gestores municipais no RN nas eleições de 2020. Em seguido, vem o PSDB, com 31 prefeitos. O prefeito de Natal, Álvaro Dias, é um deles.

O chefe do Executivo da capital disse em entrevista ao Agora RN que Marinho “é um bom nome para discutir qualquer cargo que assim ele entenda e resolva disputar”, podendo receber apoio da sigla em 2022.

Fidelizar o eleitorado natalense é ponto crucial para Marinho ser um candidato competitivo nas próximas eleições, já que Fátima perdeu para Carlos Eduardo (PDT) na cidade, em 2018. Natal pode ser uma grande fonte de votos, porém não exclusiva. Por isso, a informação é de que o possível candidato quer consolidar sua imagem também em outras regiões do RN, como a Seridó.

Na última semana, Marinho se reuniu com o prefeito de Caicó, Dr. Tadeu (PSDB), e, nos bastidores, essa é uma das formações de alianças que devem ser estender até 2022.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.