BUSCAR
BUSCAR
Gastronomia
Confira a coluna “Sal & Pimenta” de sexta-feira 19
Por Fabrícia Mesquita
19/02/2021 | 09:23

Gengibre, santo gengibre!

Gengibre é uma planta medicinal que possui sabor apimentado e que pode ser usada para temperar os alimentos, diminuindo a necessidade de sal. Esta raiz também pode ser utilizada no tratamento de problemas circulatórios, resfriados ou inflamação, como dor de garganta, por exemplo.

BENEFÍCIOS:

ANTIOXIDANTE: diminui o stress oxidativo, inibindo os radicais livres de promoverem doenças.
ANTI-INFLAMATÓRIO E ANALGÉSICO: a eficácia da ação anti-inflamatória dos componentes do gengibre está agrupada ao efeito analgésico.
ANTIMICROBIANO: inibe o crescimento de alguns tipos de bactérias.
HIPOGLICEMIANTE: o gengibre pode ser efetivo na prevenção das complicações do diabetes.
ANTI-HELMÍNTICO: o extrato do gengibre possui atividade anti-helmíntica significativa.
ANTICANCERÍGENO: possui uma importante ação terapêutica por apresentar redução e/ou aparecimento de alguns tipos de cânceres.
ANTIEMÉTICA: estudos demostraram a eficácia do gengibre na melhora do enjoo.

ANTI-OBESIDADE:
É considerado um termogênico e estimulante gastrointestinal por ser rica a concentração de fibras. É consumido na forma de shakes, sucos, saladas e também in natura.

HEPATOPROTETOR: desempenha um papel importante na proteção hepática.

Possíveis efeitos colaterais:
Os efeitos colaterais mais comuns que podem ser causados pelo Gengibre incluem dores de estômago e sonolência, mas geralmente só ocorrem quando consumido em excesso.

Quem não deve usar?
O Gengibre está contraindicado para pessoas alérgicas e para aquelas que utilizam remédios anticoagulantes, como a varfarina, porque pode aumentar o risco de hemorragias. Além disso, pessoas com pressão alta e que usam medicamentos para controlar a pressão só devem consumir o gengibre de acordo com orientação médica, pois ele pode interferir com o efeito do remédio, descontrolando a pressão.
Durante a gravidez, a dose máxima de gengibre deve ser de 1g por cada kg de peso, e por isso essa raiz pode ser usada em forma de raspas para aliviar os enjoos durante a gestação.

Purê de cenoura com gengibre

Além de gostoso, é de uma versatilidade incrível, e pode virar acompanhamento para muita coisa, de carnes e petiscos. Sem falar que pode ser utilizado até com molho para sanduíche.

Ingredientes:

• 100g cenouras (100g por pessoa)
• 1/2 cebola pequena
• 1 colher de chá de gengibre
• Grãos de pimenta preta a gosto
• Salsinha
• Alho descascado a gosto
• Manteiga ghee para finalizar (a gosto)

Modo de preparo:

Cortar os ingredientes em cubos pequenos e cozinhar em água.
Deixar separado apenas a salsinha e a manteiga.
Quando o cozimento estiver no ponto é só escorrer a água da fervura.
Na mesma panela triturar todos os ingredientes juntos. Pode-se usar um amassador ou um mixer elétrico (até obter a textura desejada).

Obs.: a quem goste de purê bem liso, há quem prefira mais rústico. Não vai interferir no sabor.
Por fim, juntar a manteiga e a salsinha. A Manteiga vai dar mais liga, aveludar o purê. A salsinha vai emprestar frescor e perfume.

Para os vegetarianos, é só trocar a manteiga por azeite de oliva que o resultado é o mesmo, com pequena variação na textura. Vai cumprir bem a função de aveludar o purê.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.