BUSCAR
BUSCAR
Opinião
Confira a coluna de Alex Viana deste sábado, 7
Oito a cada dez mulheres negras que são candidatas a prefeita ou vereadora nas eleições deste ano já sofreram algum tipo de violência virtual durante a campanha
Alex Viana
07/11/2020 | 05:30

VIOLÊNCIA I

Quase oito a cada dez mulheres negras que são candidatas a prefeita ou vereadora nas eleições deste ano já sofreram algum tipo de violência virtual durante a campanha. A estatística é do Instituto Marielle Franco, que consultou candidatas de 16 partidos em todo o Brasil. O número de mulheres ouvidas ainda não foi divulgado.

VIOLÊNCIA II

Das mulheres atacadas, só 32,6% denunciaram os casos. Outras 29% não quiseram denunciar, e 17% afirmaram ter medo ou não se sentirem seguras para denunciar a violência que sofreram. Embora a pesquisa seja anônima, 8% das candidatas, afirmaram não se sentir à vontade paras responder as questões sobre denúncias.

RETROCESSO

Um dia após o presidente Jair Bolsonaro defender a adoção do voto impresso, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, voltou a chamar a proposta de “retrocesso”. “As urnas eletrônicas são confiáveis. O problema delas é o custo”, declarou Barroso nesta sexta-feira 6.

RECURSO DE LULA

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), mandou para o plenário da Corte o recurso apresentado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para anular a condenação imposta no caso do triplex do Guarujá. O petista foi condenado a oito anos e dez meses de prisão na Lava Jato e teve a sentença validada pela terceira instância, o Superior Tribunal de Justiça.

VIOLÊNCIA I

Dados estatísticos apurados pela Coordenadoria de Informações Estatísticas e Análise Criminal (Coine), da Secretaria Estadual de Segurança Pública e Defesa Social (Sesed), apontam índices positivos de redução da criminalidade nos primeiros 670 dias de gestão da governadora Fátima Bezerra, no comparativo com o mesmo período na gestão anterior.

VIOLÊNCIA II

Com base nos números apresentados, neste período, foram 625 vidas poupadas no comparativo com os primeiros 670 dias da gestão anterior, nos anos de 2015 e 2016, quando ocorreram 3.327 crimes violentos letais intencionais. A queda nos números resulta em uma diminuição de 20,7% das ocorrências desse tipo.

RUPTURA DEMOCRÁTICA

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), defendeu nesta sexta-feira que as mudanças estruturais no Brasil devem ocorrer por meio de reformas, e não por uma nova Constituição. Segundo Maia, uma nova Constituição seria “uma ruptura democrática”.

CONSTITUINTE

A ideia de uma nova Assembleia Constituinte foi ventilada pelo líder do governo na Câmara, Ricardo Barros (Progressistas-PR), na semana passada. O deputado afirmou que a atual Constituição deixou o Brasil ingovernável e sugeriu uma nova Constituinte. Ele também disse que o novo texto poderia ser usado para “equilibrar” os poderes, acrescentando que o poder fiscalizador de juízes, promotores e outros servidores ficou “muito grande”.

FERNANDO DE NORONHA

O governo de Pernambuco reagiu, em nota, à declaração do presidente Jair Bolsonaro sobre a federalização de Fernando de Noronha, que atualmente faz parte do estado, e afirmou que “criar soluções é mais produtivo do que criar polêmicas”. Na quinta-feira, durante transmissão ao vivo em redes sociais, Bolsonaro afirmou que irá tentar federalizar o arquipélago para “fazer realmente um polo turístico”.

FERNANDO DE NORONHA II

Na nota, o governo de Pernambuco cita ações recentes em Noronha — como construção de casas e recuperação de estradas — e critica o Executivo federal por, segundo eles, não ter cumprido promessas de envios de recursos.

PARNAMIRIM

O ex-prefeito de Parnamirim Mauricio Marques (Pros), candidato a um novo mandato nas eleições municipais de 2020, entrou com recurso junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na noite desta sexta-feira 6 para concorrer ao pleito municipal. Nesta semana, Mauricio teve a candidatura barrada pelo TRE, por causa da Lei da Ficha Limpa.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.