BUSCAR
BUSCAR
Opinião
Confira a coluna de Alex Viana desta quinta-feira, 8
Não é o que parece ser
Alex Viana
08/10/2020 | 05:38

AS APARÊNCIAS ENGANAM

Não foi por causa do casamento com uma das filhas de Silvio Santos, dono do SBT, que o genro, Fábio Faria, assumiu o Ministério das Comunicações, uma das pastas mais estratégicas e prestigiadas dos governos da República e que já pertenceu a nomes como Antônio Carlos Magalhães, Ozires Silva, Miro Teixeira e Hélio Costa.

TRANSITO É QUE VALE

Nesses novos tempos de “Jair Paz e Amor”, que sucederam à gritaria na frente do Planalto contra o STF e as frases do tipo “acabou, p*”, a ligação de Fábio com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, tem valido ouro para as pretensões presidenciais à reeleição.

DOIS NA DISPUTA

A costura hábil de Fábio Faria no Centrão tem trazido para o presidente um apoio inestimável na falta de um projeto econômico que (vejam só!) tem em outro potiguar, Rogério Marinho, um contraponto ao domínio cada vez mais débil do ministro Paulo Guedes, o ex-Posto Ipiranga.

APOSTAS NO PLANTÃO

Tem médico intensivista dizendo à boca pequena, durante o cafezinho do plantão, que é preciso aguardar ainda até o fim do ano para respirar mais aliviado quanto a uma nova onda de casos graves de Covid-19. A alegação é a da sempre: o relaxamento social. Leia-se: as aglomerações festivas, nas ruas de comércio popular e até nas rodas mais privilegiadas.
A diferença é o dinheiro para sair do apuro depois, que uns têm e outros não.

CUIDADO!

Segundo o boletim epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde desta quarta-feira, o RN já chegou a 71.898 casos confirmados de Covid-19, com outros 39.508 suspeitos e seis mortes atualizadas em 24 horas. Total de 2.412 mortes pelo novo coronavírus, sem contar 316 óbitos sob investigação.

NOIVA EM FUGA

A fuga de capitais do Brasil tem assombrado muita gente. Segundo uma das mais importantes instituições internacionais – o Institute of International Finance (IIF), que reúne os principais bancos e corretoras do planeta, essa debandada deve ser de US$ 18 bilhões até o final deste ano.
Para um país prestes a protagonizar uma explosão de desempregados com o fim da ajuda emergencial, é realmente para ter calafrios.

INCOERÊNCIA

A campanha eleitoral é realmente um daqueles momentos em que o cidadão comum está dividido entre aqueles que nem querem saber e os que ouviram falar. E há tantas opções na prateleira que muitos aguardarão o segundo turno, no caso da prefeitura, para decidir em quem vai votar. Sob este aspecto, continua valendo o que foi dito nesta coluna ontem. Álvaro continua jogando bem: ganhando tempo e evitando o confronto com os adversários.
A la Bolsonaro em 2018 sem facada.

ZÉ DE ABREU

Com o anúncio do vereador Fernando Lucena de uma live com o ator Zé de Abreu nesta sexta-feira, às 20h, corre por aí que o Jornal Nacional terá sua audiência ameaçada, pelo menos em Natal. Figura controvertida, Abreu protagonizou grandes sucessos, como Avenida Brasil, e a pergunta que se faz agora é se, depois da pantomima, a Globo não vai contratar Lucena e esquecer de vez o Abreu.

FUJA DO FURDUNÇO

Invente outro caminho se costuma resolver alguma coisa em Parnamirim e não quer ficar parado na pista remoendo os problemas. Uma interdição para instalação da passarela começa às 7 horas da matina desta quinta-feira, 8, e vai até 7h da próxima terça, 13, na altura do Viaduto Clementino Câmara, sentido Parnamirim – São José de Mipibu.

NOVIDADES NA ANVISA

O presidente Jair Bolsonaro encaminhou ao Senado duas indicações para a diretoria da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Meiruze Souza Freitas foi escolhida para ocupar a vaga de diretora com o fim do mandato de Renato Alencar Porto. E Cristiane Rose Jourdan Gomes cumprirá o tempo remanescente do mandato de Antônio Barra Torres, que acumulava o cargo de diretor-presidente. As indicações, publicadas ontem no Diário Oficial da União, precisarão de aprovação do Senado.

Por Marcelo Hollanda, interino

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.