BUSCAR
BUSCAR
Coluna
Assessoramento ruim ou falta de contraditório
Redação
20/07/2020 | 22:07

O potiguar Kléber Luz, um dos principais infectologistas do País, não acredita que uma vacina para o novo coronavírus esteja à disposição da população em menos de um ano. Até lá, a receita para prevenir o avanço do vírus inclui distanciamento social e uso de máscaras, principalmente.

Ao participar de uma reunião virtual com deputados estaduais ontem, ele ainda reforçou que não há comprovação científica de que medicamentos como a ivermectina ou a hidroxicloroquina sejam eficazes para tratar ou, até mesmo, prevenir a Covid-19.

“Eu sou pago para estudar, assim como diversos outros pesquisadores. Até onde foi minha revisão e dos demais profissionais sobre os estudos publicados nacional e internacionalmente, não há medicamentos que evitem ou modifiquem o curso inicial da doença”, garantiu o médico.

Em uma crítica indireta à Prefeitura do Natal, o médico comentou ainda a distribuição, por parte de gestores públicos, de medicamentos sem eficácia comprovada contra a Covid-19. “Quando vejo que uma secretaria estadual ou municipal que advoga para uso de uma medicação de forma profilática, eu penso em duas possibilidades: ou um assessoramento ruim, ou a falta do contraditório, que é uma possibilidade mais forte”, disse Kléber Luz.

O deputado Kelps Lima (Solidariedade) participou da reunião e não fez cerimônia para criticar o prefeito Álvaro Dias. “Natal é gerida por um prefeito que está fazendo politicagem e pondo em risco a vida da população. Nós precisamos dos grandes médicos. Felizmente, é uma minoria que está se consorciando com o prefeito para iludir nossa sociedade

Os mortos não falam

A secretária estadual de Administração, Virgínia Ferreira, foi ao Twitter para criticar a aglomeração filmada em Ponta Negra durante o fim de semana. “O que aconteceu no final de semana em nossa orla… É falta de respeito humano. Os mortos não falam!”, protestou.

Voos em queda

A demanda por voos no mês de junho teve queda de 85% em comparação ao mesmo mês no ano passado, revelam dados da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). O número é calculado em passageiros quilômetros pagos (RPK) e teve queda brusca desde o início da pandemia do novo coronavírus. Apesar do intenso desaquecimento, o resultado para junho mostra uma sensível recuperação no mercado.

Solidariedade

O volume de doações para o combate à Covid-19 no Brasil chegou a R$ 6 bilhões, sendo a maior parte, 78%, para a área da saúde, de acordo com o acompanhamento da ABCR (Associação Brasileira dos Captadores de Recursos). A área de assistência social ficou com 17% do volume e a educação, com 5%. O número de doadores ultrapassa 460 mil, segundo o levantamento.

Reação I

Depois do baque dos primeiros meses de quarentena, quando a maioria dos hotéis do País foi fechada, o setor de hotelaria começa a ver uma tímida reação com a retomada das atividades. Mas o desempenho ainda está muito distante do período pré-pandemia e do potencial do setor, o mais afetado pela Covid-19 entre os demais segmentos da economia.

Reação II

De março a junho, o turismo como um todo já perdeu quase R$ 122 bilhões de faturamento, nos cálculos da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), Fabio Bentes.

Verde Brasil

A operação militar Verde Brasil 2, criada pelo governo para combater o desmatamento na Amazônia, tem visto parte de seus recursos ser utilizada para bancar ações sem nenhuma relação com a devastação da floresta. Apesar de já haver registros de batalhões que foram paralisados em suas ações em campo, sob a alegação de falta de dinheiro, a investida militar tem financiado, por exemplo, a pintura de unidades da Marinha, inclusive em bases sem relação com a região amazônica.

Plano B I

Com o projeto de criação de um partido próprio adiado para 2021, os seguidores do presidente Jair Bolsonaro vão tentar a sorte nas urnas este ano por siglas conservadoras de direita que aceitaram servir de abrigo provisório do bolsonarismo até que a Aliança pelo Brasil saia do papel.

Plano B II

O PRTB do vice-presidente Hamilton Mourão, o PTB de Roberto Jefferson, o Republicanos do prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, e o Patriotas foram os partidos que mais apostaram em bolsonaristas para as eleições municipais, segundo Luís Felipe Belmonte, vice-presidente do Aliança. Há também aliados do presidente disputando pelo DEM em algumas cidades.

Plano B III

Em Natal, o bolsonarista Hélio Oliveira – que estava à frente do processo de criação do Aliança pelo Brasil no Rio Grande do Norte – é pré-candidato justamente pelo PRTB. O candidato a vice deve ser Getúlio Batista, presidente do PTB no RN, mesmo partido do ex-deputado Roberto Jefferson.

Avaliação do presidente I

Mesmo com as polêmicas envolvendo o caso Fabrício Queiroz, a aprovação do governo de Jair Bolsonaro manteve a tendência de alta no mês de julho, segundo pesquisa de opinião XP/Ipesp. Para 30% dos entrevistados, a avaliação do governo é ótima ou boa, oscilação de dois pontos porcentuais a mais que junho, dentro da margem de erro.

Avaliação do presidente II

A avaliação do presidente voltou a subir no dia 27 maio, após atingir o pior resultado de todo o mandato no dia 18 do mesmo mês, quando 25% consideraram a gestão ótima ou boa e 50% ruim ou péssima. Na pesquisa desta segunda (20), a reprovação do mandatário voltou a oscilar negativamente, indo a 45%.

Rápidas

Hoje, 21 de julho, é Dia Nacional do Garimpeiro.

Nesta data, em 1902 – há 118 anos – foi fundado o primeiro time de futebol do Rio de Janeiro: o Fluminense Football Club.

A Unimed Natal continua com atividades físicas no seu IGTV. São três treinamentos e será divulgado nos seguintes horários: 7h, 15h e 18h.

O Departamento de Políticas Públicas da UFRN organiza nesta terça, às 10h, evento sobre “Inovação e Gestão Pública em tempos de pandemia”. A inscrição é gratuita e pode ser feita no site da UFRN.

O Instagram da Secretaria de Estado de Administração (Sead), promove hoje, às 10h30, debate com o tema “O crescimento exponencial da educação a distância na pandemia”.

Em 1983, nesta data, era atingida na Antártica a menor temperatura já registrada no mundo: – 89,2°C.

O Departamento de Psicologia elabora mesa-redonda com o tema “A psicoterapia e a avaliação psicológica em tempos remotos”. Será nesta terça, às 14h, no Instagram Depsi UFRN.

O Habitat Marte, projeto da UFRN, entrevista Marcos Pontes, ministro da Ciência e Tecnologia. Será hoje, às 17h, no Facebook.

Nesta terça, o Centro de Educação da UFRN organiza, às 14h, debate com a temática “O trabalho docente no contexto de pandemia”.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.