BUSCAR
BUSCAR
Sobreviventes
Trio fica preso em ilha por 33 dias e sobrevive à base de coco e ratos
Homens foram resgatados por uma equipe da Guarda Costeira dos Estados Unidos e levados a um hospital na Flórida
UOL
10/02/2021 | 16:44

A Guarda Costeira dos Estados Unidos resgatou três pessoas que estavam presas há 33 dias na ilha de Anguilla Cay, nas Bahamas (Caribe), com alimentação restrita a comer o fruto e a água de cocos, mariscos e ratos.

Os cidadãos cubanos estavam em um barco que teria virado em águas turbulentas, e tiveram que nadar até a ilha. Mais de um mês depois, a equipe da Guarda Costeira sobrevoava a região em uma aeronave quando notou pessoas pedindo socorro.

“O (piloto) notou algumas bandeiras incomuns lá embaixo, algumas cores diferentes. Eles voltaram para verificar e notaram três pessoas sinalizando para eles”, disse o tenente Justin Dougherty ao canal de TV WPLG.

A tripulação jogou um rádio e suprimentos na ilha para então iniciar o resgate. Durante o período na ilha, o trio disse que se alimentou apenas de cocos, mariscos e roedores. Apesar disso, eles pareciam saudáveis, segundo o tenente. “Foi incrível. Eu não sei como eles fizeram isso. Eles foram muito, muito claros e articulad

Os indivíduos foram levados a um hospital na Flórida, nos EUA, para receber cuidados médicos.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.