BUSCAR
BUSCAR
Pandemia
Senado aprova adiamento das eleições para novembro
Senadores decidiram marcar eleição para 15 de novembro (1º turno) e 29 de novembro (2º turno)
Redação
24/06/2020 | 04:50

O Senado aprovou, por 67 votos a 8, o adiamento das eleições municipais deste ano para 15 de novembro (1º turno) e 29 de novembro (2º turno),
em função da pandemia de Covid-19. Houve duas abstenções. A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) sobre o tema, porém, poderá ser alterada. Até
o fechamento desta edição, os senadores ainda analisavam mudanças no texto e preparavam a realização de um segundo turno de votação.

Se passar no Senado, a proposta seguirá para a Câmara dos Deputados, onde há uma resistência maior à medida.

Atualmente, a disputa está marcada para 4 de outubro (1º turno) e 25 de outubro (2º turno). Ou seja, se a PEC for aprovada, o primeiro turno da eleição vai ser adiado por 42 dias. A proposta autoriza o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a adiar as eleições por um período ainda maior em
municípios com alto grau de disseminação do novo coronavírus, se houver necessidade.

O argumento é evitar a aglomeração de pessoas em locais com índices preocupantes de avanço da doença. A nova data, porém, deverá ser dentro de 2020.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.