BUSCAR
BUSCAR
Entrevista
Klaus Araújo: “Briga de Fátima e Álvaro vai desenrolar nas eleições de 2022”
Vice-presidente da Câmara Municipal de Natal, vereador Klaus Araújo, acredita que o governo federal agiu tardiamente na compra das vacinas contra a Covid e que a governadora do RN, Fátima Bezerra, e o prefeito de Natal, Álvaro Dias, deveriam estar unidos, pensando “na vida das pessoas, no emprego das pessoas, na fome das pessoas”
Redação
18/06/2021 | 07:50

Vice-presidente da Câmara Municipal de Natal, o vereador Klaus Araújo (Solidariedade) defende a união entre a governadora Fátima Bezerra (PT) e o prefeito de Natal, Álvaro Dias (PSDB), visando um combate unificado contra a pandemia. Para ele, embora Álvaro negue que seja candidato ao governo, “essa briga virou um cabo de guerra que vai desenrolar nas eleições de 2022”, afirma.

Em sua avaliação, o governo federal “foi tardio na compra das vacinas”, enquanto que o governo do Estado “foi omisso na questão da compra de mais leitos”. “Deveria ter feito um incremento maior, inclusive teve a questão das compras dos respiradores por R$ 5 milhões que até hoje ninguém sabe onde estão”, observa.

Quanto à ação da Prefeitura de Natal, Klaus acha “que deveria ter feito mais”, embora ressalve que Álvaro “até aqui fez o que era possível”. “Acho péssimas essas divergências entre Fátima e Álvaro. Acho que eles já deveriam ter se unido. Fátima e Álvaro deveriam pensar na vida das pessoas, no emprego das pessoas, na fome das pessoas”, aponta.

Confira a íntegra da entrevista:

Agora RN – Como o senhor avalia o desempenho da atual legislatura da Câmara?

Klaus Araújo – Eu acredito que essa legislatura tem debates menos calorosos, e acho bom, até porque tem que respeitar a opinião dos outros. Hoje não tem mais aquela embates acalorados. Hoje, no Brasil, existe uma separação, se não for Bolsonaro é Lula, e não é para ser assim. A democracia prega o respeito à opinião de todos. Então, como vice presidente, estou no meu terceiro mandato e tenho assumido a presidência quando nosso presidente Paulinho precisa viajar. Juntos fazemos um trabalho para dar celeridade aos trabalhos da Casa, principalmente aos temas que tratam da Covid. Tudo que diz respeito à Covid temos conseguido aprovar sem problemas. Infelizmente essa doença não espera.

Agora RN – De que forma seu mandato tem colaborado para as ações de combate a pandemia aqui no município?

Klaus Araújo – No início saímos pouco, até por causa do distanciamento social. Com o início da vacinação, sou a favor da abertura do comércio. Na semana passada, conseguimos junto ao prefeito incluir os trabalhadores do transporte público na vacinação. Destinamos ainda R$ 100 mil para a compra de cestas básicas para a população carente. E também apresentamos um projeto que institui a abertura das escolas como essencial. No começo deu aquela polêmica, mas depois todos entenderem a importância de a educação ser fundamental para o nosso município.

Agora RN – De que forma o senhor analisa esse atraso da vacinação em Natal?

Klaus Araújo – Olha, se fizermos um parâmetro do que o secretário estadual da Saúde falou no passado, já vimos que não ia dar certo. Ele disse que iam morrer mais de 10 mil pessoas, 100 mil pessoas. Todo dia ele dizia uma coisa diferente. Graças a Deus ele estava errado. Há pouco ele queria fechar tudo por mais três meses, sem qualquer tipo de conversa com o setor produtivo. O setor do turismo está quebrado. O de bares e restaurantes também. O governo do Estado não deu nenhum incentivo ao setor. Apenas um empréstimo que é muito difícil de pagar, exigindo garantias reais que ninguém tem. Todo mundo está em situação difícil, com o nome sujo. Infelizmente não tivemos nenhum incentivo por parte do governo do Estado para enfrentar a pandemia. Pelo lado da prefeitura, criticando quando tem que criticar, nosso partido é oposição ao prefeito Álvaro Dias, mas nós temos que reconhecer que o prefeito fez a parte dele na área da saúde e isso ajudou muito a salvar vidas. Então, a nossa votação aqui na Câmara é pela cidade do Natal. Aqui a gente não vota só por ser oposição ou situação, votamos com consciência pelo povo de Natal.

Agora RN – Na sua opinião, essa divergência da prefeitura com o governo do Estado, atrapalha no processo de combate à pandemia?

Klaus Araújo – Acho péssimo, acho que eles já deveriam ter se unido. Fátima e Álvaro deveriam pensar na vida das pessoas, no emprego das pessoas, na fome das pessoas. Essa briga virou um cabo de guerra que vai desenrolar nas eleições de 2022.

Agora RN Como o senhor avalia as ações do governo federal e estado no combate pandemia?

Klaus Araújo – O governo federal foi tardio na compra das vacinas. O governo do Estado foi omisso na questão da compra de mais leitos. Deveria ter feito um incremento maior, inclusive teve a questão das compras dos respiradores por R$ 5 milhões que até hoje ninguém sabe onde estão. Já a prefeitura acho que deveria ter feito mais. Acho que até aqui fez o que era possível. Estamos cobrando na questão da transferência (sic). No geral, acho que tem a questão de muito dinheiro desviado. Mais para frente vamos saber. Agora, o momento é de pensar em salvar as vidas das pessoas.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.