BUSCAR
BUSCAR
Crime
Homem é condenado a 79 anos de prisão por matar companheira e filhas
Crime foi cometido por Magno Brandão Ferreira em 2018, no litoral de São Paulo
Metrópoles
26/05/2021 | 10:39

Magno Brandão Ferreira, foi condenado, nesta terça-feira 25, a 79 anos de prisão por matar a mulher e as duas filhas dela, de 8 e 4 anos. O crime ocorreu em junho de 2018, em São Vicente, litoral de São Paulo.

O julgamento se estendeu das 9h30 às 20h30. O Tribunal do Júri levou em consideração os homicídios e os furtos que Brandão cometeu após o crime.

Ele foi condenado por homicídio qualificado por motivo fútil e torpe, meio cruel, uso de recurso que impossibilitou a defesa da vítima e feminicídio, e por seis crimes de furto qualificado pelo abuso de confiança — ele usou o cartão da companheira após o assassinato e fez seis saques de R$ 500.

O crime

Magno esfaqueou Thamiris de Souza Santos, de 30 anos, Nayara Machado de Souza Santos, 8, e Nicolly de Souza Santos, 4. Os corpos das vítimas foram achados quatro dias depois do crime dentro da casa em que moravam no bairro Parque Continental.

Na ocasião, Brandão ficou foragido por 15 dias. A mãe o entregou à polícia, após dopá-lo para que não fugisse. Desde então, ele seguia preso em SP.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.