BUSCAR
BUSCAR
Eleições 2020
Álvaro acusa Jean de fazer “distorção odiosa” e pede direito de resposta para explicar fala sobre “orla feia”
Segundo a defesa de Álvaro, a campanha de Jean fez uma “distorção odiosa” do conteúdo de uma entrevista para sugerir que o prefeito “não gosta da cidade”
Redação
11/10/2020 | 14:04

O prefeito de Natal, Álvaro Dias (PSDB), que é candidato à reeleição, entrou com uma ação na Justiça Eleitoral neste sábado 10 para pedir direito de resposta após o candidato do PT, Jean Paul Prates, divulgar um vídeo nas redes sociais no qual o prefeito critica a situação da orla marítima da cidade. (Veja o vídeo abaixo.)

Segundo a defesa de Álvaro, a campanha de Jean fez uma “distorção odiosa” do conteúdo de uma entrevista para sugerir que o prefeito “não gosta da cidade”. Na avaliação dos advogados, a propaganda induz o eleitor ao erro, é “depreciativa” e acata a honra do candidato à reeleição.

No vídeo apresentado pela campanha de Jean, foi extraído um trecho de uma entrevista do prefeito à Inter TV Cabugi na qual Álvaro aparece dizendo que Natal tem “uma das orlas marítimas mais feias do Brasil”. Em seguida, uma montagem enfatiza o último trecho da fala: “Mais feias do Brasil”. Antes, o próprio candidato Jean diz que a fala indica que Álvaro não gosta da cidade.

Na entrevista, o prefeito descreveu a situação da orla para fazer uma defesa da revisão do Plano Diretor, que, segundo ele, serviria para atrair investimentos imobiliários para a região costeira.

Na ação, os advogados do prefeito afirmam que a fala foi retirada de contexto de forma proposital, “grosseira e mentirosa”.

“O representado (Jean Paul Prates) fez uso de informações sabidamente inverídicas, bem como de trucagem e montagem, de tal forma a enganar o eleitor, fazendo o mesmo crer que o representante (Álvaro Dias) não gosta de Natal e teria feito duras críticas à sua principal vocação, qual seja, o turismo litorâneo”, aponta um trecho do processo.

O prefeito de Natal reforça, ainda, que a fala foi feita no contexto da defesa da revisão do Plano Diretor de Natal, e não de crítica às belezas naturais da cidade. “A entrevista concedida pelo representante, cujo trecho foi extraído, tratava exatamente da necessidade de modernizar a cidade, enxergando e externando o representante o potencial que Natal possui, precisando tão somente de uma gestão responsável e com visão de futuro”, complementa.

A defesa de Álvaro Dias pede direito de resposta com igual tempo e que a Justiça proíba o candidato do PT de veicular conteúdo desse tipo. O pedido de liminar (decisão provisória, urgente) ainda não foi julgado.

Veja o vídeo da campanha de Jean:

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.