BUSCAR
BUSCAR
Ônibus
Prefeitura e Governo fecham acordo para subsidiar transporte público em Natal
Pelo acerto, a prefeitura vai reduzir em 50% a cobrança sobre ISS e o governo, 50% sobre a taxação de ICMS sobre os combustíveis
Redação
23/06/2020 | 18:53

Em reunião realizada na tarde desta terça-feira (23), a Prefeitura de Natal e o Governo do Rio Grande do Norte selaram um acordo para reduzir os tributos incidentes sobre o transporte público na cidade. Pelo acerto, a prefeitura vai reduzir em 50% a cobrança sobre ISS e o governo, 50% sobre a taxação de ICMS sobre os combustíveis.

Na reunião, da qual participaram os secretários municipais Fernando Fernandes (Governo) e Ludenilson Lopes (Tributação) e os secretários de Estado Raimundo Alves (Gabinete Civil) e Carlos Eduardo Xavier (Tributação), ficou estabelecido ainda que o subsídio concedido às empresas que operam o setor em Natal será válido até o fim do ano. A finalidade é desafogar o segmento no atual momento de dificuldade econômica e abrir mais possibilidades de equilíbrio financeiro.

O modelo de incentivo será oferecido às empresas de transporte, sob a condição de que não haja aumento na tarifa cobrada aos passageiros durante o período de concessão do benefício. A Prefeitura de Natal e o Governo do Estado entendem ainda que o novo estímulo dá ao setor melhores meios para negociar o fim da greve implementada nesta semana pelos rodoviários.

A categoria quer que as empresas mantenham o pagamento de vale-alimentação e plano de saúde. A questão de cunho trabalhista está sendo mediada pela Justiça do Trabalho já que a data base da categoria acontece no mês de maio, mas ainda não foi firmado o dissidio coletivo. Enquanto perdurar a greve, a STTU autorizou alternativos, empresas de fretamento e de transporte por aplicativo atuarem na cidade.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.