BUSCAR
BUSCAR
Fé católica
Em clima de expectativa pela canonização, fiéis celebram Mártires do RN neste dia 3
No feriado se faz memória aos primeiros mártires do Brasil, os mártires de Cunhaú e Uruaçu
Aldemir Neto
30/09/2016 | 17:43

Desde 2007, o dia 3 de outubro é feriado no Rio Grande do Norte. Nesse dia se faz memória aos primeiros mártires do Brasil, os mártires de Cunhaú e Uruaçu.

No ano de 1645, nas aldeias de Cunhaú (Canguaretama) e Uruaçu (São Gonçalo do Amarante), 30 fiéis foram assassinados por não renunciarem à fé católica. O estado vivia o período da invasão holandesa, e por não aceitarem se converter à religião dos invasores (calvinistas), os padres André de Soveral, Ambrósio Francisco Ferro e 28 companheiros leigos foram martirizados.

Hoje os mártires são beatos e caminham rumo à canonização. O Arcebispo de Natal, Dom Jaime, viajou à Roma na primeira semana de setembro para se encontrar com o Papa Francisco e discutir sobre a canonização dos mártires, com esse passo pode se estender a sua veneração ao mundo inteiro.

Padre Júlio César, que é o Representante do processo de canonização dos mártires na Arquidiocese de Natal, e acompanhou o arcebispo no seu encontro com o Papa contou ao Portal Agora RN sobre a importância destes para o RN: “Os mártires são os padroeiros do Rio Grande do Norte. Eles deram a vida para que o evangelho não perdesse força no estado. Durante a invasão holandesa, eles deram a vida, porque ou eles se convertiam ao calvinismo ou perdiam a vida, e eles escolheram perder a vida”.

Segundo o sacerdote, nesta semana haverá a apresentação do relatório final à Congregação para as Causas dos Santos, ficando após este passo dependendo apenas do aval do Papa Francisco para que o Rio Grande do Norte tenham seus primeiros santos. Na segunda-feira (3), uma série de celebrações e homenagens serão feitas aos mártires. Confira:

Na manhã, serão celebradas três missas: às 7h, na Igreja Matriz de São Gonçalo e no Monumento dos Mártires, em Uruaçu, e, às 9h, na Vila de Uruaçu.

A partir das 10h no Monumento haverá vasta programação religiosa, e às 17 horas, o encerramento onde será celebrada missa solene, presidida pelo Núncio Apostólico (Bispo Diplomata do Vaticano), Dom Giovanni D’Aniello, concelebrada pelo Arcebispo de Natal, Dom Jaime Vieira Rocha.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.