BUSCAR
BUSCAR
Política
Senador Styvenson Valentim abre o jogo sobre sexualidade e relacionamento com homens: “Por que não?”
Declaração foi dada em entrevista ao Programa Repórter 98, nesta quarta-feira 19
Redação
19/01/2022 | 20:07

O senador pelo Rio Grande do Norte, Styvenson Valentim (Podemos), em entrevista aos jornalistas Tiago Rebolo, Thiago Medeiros e Gladstone Heronildes, no Programa Repórter 98, deu uma declaração pra lá de polêmica sobre sua sexualidade nesta quarta-feira 19. Vídeos que circulam nas redes sociais mostram o trecho polêmico transcrito a seguir:

“Fechando este assunto com a polêmica difundida de ontem para hoje, com relação à sua sexualidade, o senhor se define heterossexual?”, perguntou o jornalista Tiago Rebolo. “Eu me defino muito bem definido, entre quatro paredes, com quem quiser e conhecer melhor. Agora que estou solteiro”, respondeu o parlamentar.

“Pode ser homem?” questionou outro jornalista imediatamente após a declaração de Valentim. “Por que não?”, devolveu o parlamentar.

Abriu o jogo

Durante a semana, houve grande burburinho a respeito de um político potiguar que teria se separado em virtude de um caso extraconjugal com um personal trainer de Natal. O nome do parlamentar teria sido associado a este caso. “É importante trazer este assunto à tona. A gente vive em um país que quer igualdade, quer respeito, quer essa diversidade. […]  O que a gente percebe, nessas brincadeiras, nos memes – que eu me diverti também – em momento algum fiquei chateado”, apontou o parlamentar.

“É uma chance de vir esclarecer de forma séria estes assuntos. Tem muita gente que não o é, ou o é e não tem coragem de se assumir [homossexual], e quando pode passar por situação semelhante a essa, em nenhum momento foi citado meu nome, em nenhum momento foi dito que foi o Capitão Styvenson. Mas as pessoas avaliaram que seria eu. Meu passado não me condena e se condenasse já teria sido exposto. Nunca escorreguei”

Em seguida, ele continuou: “Eu venho da PM, tenho muitos amigos que não se assumem devido à profissão militar e têm um preconceito muito grande sobre isso. Então é um assunto sério que vi sendo tratado como uma brincadeira, um meme. Que eu também levei por isso. Mas comecei a analisar a grandiosidade e a potência que isso ocasionou. Nunca vi um assunto tão comentado quanto minha sexualidade”, declarou.

Sede: Rua dos Caicós, 2305-D, Nossa Sra. de Nazaré. Natal/RN | CEP: 59060-700
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.