BUSCAR
BUSCAR
Entrevista
Robson Carvalho: “Morosidade no processo da vacinação no Brasil é nossa principal insatisfação”
Para o vereador de Natal, “o prefeito Álvaro Dias, desde o início da pandemia, tem trabalhado com ações de enfrentamento à covid-19. Por exemplo, Álvaro abriu o maior Hospital de Campanha do RN e manteve em funcionamento o tempo todo, ampliou leitos de UTIs no Hospital Municipal”
Redação
09/07/2021 | 08:37

Em uma entrevista concedida ao Jornal Agora RN, o vereador Robson Carvalho (PDT), fez um balanço das ações do seu mandato no contexto da pandemia e fez uma análise das gestões dos executivos nesse período. Para ele, a demora na aquisição de vacinas colaborou para morte de mais de meio milhão de brasileiros.

Agora RN: Qual a sua opinião sobre a CEI que possivelmente será instalada na Câmara?

Robson Carvalho: As denúncias que foram apresentadas sobre as possíveis irregularidades na compra de ventiladores pulmonares para o Hospital de Campanha são preocupantes, mas os órgãos federais de controle, a Polícia Federal e o Ministério Público já estão investigando e cabe a nós, agentes fiscalizadores, aguardar o fim da investigação. Estamos atentos, vigilantes e esperando mais elementos, porque o processo segue em segredo de justiça.

Agora RN: Qual sua avaliação das gestões estadual, municipal e federal na pandemia?

Robson Carvalho: A morosidade no processo da vacinação contra a covid-19 no Brasil é a nossa principal insatisfação. Infelizmente, depois do Brasil perder mais de meio milhão de pessoas, o governo federal acelera na compra e na distribuição dos imunizantes. Perdemos muitos. Em relação à nossa avaliação do governo estadual, que tem como competência receber as vacinas, compradas com recurso federal, e distribuir para os municípios, acredito que faltou do governo apoio à economia do RN, apoio à classe trabalhadora que pede socorro neste momento de crise. O turismo em nossa cidade, um dos setores que mais geram emprego e renda, como o presidente da ABIH, Abdon Gosson, disse: “está clamando por socorro”. O setor foi o mais prejudicado com as restrições dos decretos estaduais. Mais de 80 mil ficaram desempregados, sem renda nenhuma nessa pandemia. É uma situação desesperadora. Avaliamos positivamente a Prefeitura de Natal no combate à pandemia. O prefeito Álvaro Dias, desde o início da pandemia, tem trabalhado com ações de enfrentamento à covid-19. Por exemplo, Álvaro abriu o maior Hospital de Campanha do RN e manteve em funcionamento o tempo todo, ampliou leitos de UTIs no Hospital Municipal e no Hospital dos Pescadores; drive-thru de testagem em massa e instalou mais dois novos Hospitais de Campanha em Natal e montou uma das maiores estruturas de vacinação do Nordeste.

Agora RN: O que seu mandato fez para contribuir com o enfrentamento à doença?

Robson Carvalho: Logo no início da chegada do vírus, realocamos todos os recursos das nossas emendas impositivas no valor de R$ 516.901,38 para a Secretaria Municipal de Saúde, com o intuito de combater e prevenir o coronavírus. O valor foi destinado para a compra de equipamentos de ventilação pulmonar e respiração assistida, kits de reagentes para teste, máscaras, álcool em gel, luvas, dentre outros. Pensando também na qualidade de vida dos profissionais de saúde que estão na linha de frente da covid-19, apresentamos o PL, aprovado por unanimidade na Câmara Municipal, que institui o Programa de Acompanhamento Psicológico aos Profissionais de Saúde no município de Natal. Nessa pandemia, os profissionais de saúde encaram rotinas exaustivas, onde o foco é dar tudo de si para cuidar dos pacientes infectados com o coronavírus. É necessário o amparo à saúde mental desses heróis. Diante da necessidade de mantermos o distanciamento social, devido à covid-19, apresentamos o Projeto de Lei que determina o recebimento, de forma digital, de receitas médicas, inclusive as de medicamentos controlados, pelas farmácias e drogarias, em caráter emergencial, enquanto perdurar a pandemia da covid-19. Nosso objetivo é conter a disseminação do vírus em Natal. Além de não trazer ônus para o município. Não paramos por aí. Em meio à crise provocada pela pandemia, trabalhamos incessantemente para amenizar o sofrimento de milhares de famílias em situação de vulnerabilidade social em Natal.

Agora RN: E na área da assistência social, qual a atuação do seu mandato nesta época?

Robson Carvalho: Como parlamentar, destinei R$ 100 mil, da nossa emenda impositiva, para a compra de cestas básicas para minimizar a dor das famílias que passam neste momento difícil, dificuldades financeiras, e mantê-las alimentadas enquanto atravessam essa grave crise. Além disso, distribuímos cestas básicas, com recursos próprios, para famílias em estado de vulnerabilidade social. O momento pede união, empatia e solidariedade. Com o intuito de reduzir as aglomerações nas filas dos postos e garantir mais agilidade ao processo de vacinação, sugerimos a criação de um site ou aplicativo que falasse em tempo real sobre a situação das filas nos pontos. Entramos em contato com a secretária de Planejamento, Joana Guerra, que nos atendeu prontamente e junto com a equipe de tecnologia da prefeitura, criou o site https://vacina.natal.rn.gov.br/. A plataforma disponibiliza em tempo real o número de vacinados e a situação das filas nos pontos de vacinação. Isso é mais uma prova que com trabalho, inovação e força de vontade, podemos, unidos, fazer muito mais.

Agora RN: Qual sua expectativa para a chegada do Plano Diretor à Câmara?

Robson Carvalho: Natal é um diamante e precisa ser lapidado. A revisão do Plano Diretor de Natal é uma das pautas mais importantes que vão tramitar na CMN. Segundo a Lei Federal do Estatuto das Cidades, o teto da revisão do plano é de dez anos. Estamos atrasados, o nosso remonta ao ano de 2007; precisamos avançar, tornar Natal mais atrativa a investimentos, gerar mais emprego e renda. Claro, a revisão do Plano Diretor precisa ser feita com muita cautela e responsabilidade, tendo os pilares econômicos, urbanísticos, ambientais e sociais como prioridade.

Agora RN: O senhor será candidato a alguma a vaga no legislativo, no ano que vem?

Robson Carvalho: Estamos estudando o cenário. Focando no trabalho em Natal, na pandemia e nos demais assuntos e competências que nos são atribuídas de fiscalizar; levando as demandas da população ao Executivo, criando projetos de Leis que impactam positivamente na vida dos natalenses. Estamos dialogando com o nosso grupo de colaboradores.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.