BUSCAR
BUSCAR
Reforço
RN vai contratar temporariamente médicos para combater coronavírus
Secretaria Estadual de Saúde vai fazer o recrutamento excepcional de médicos intensivistas e infectologistas para atender demanda da covid-19
Redação
27/03/2020 | 05:00

O Governo do Rio Grande do Norte fará a contração de médicos intensivistas e de infectologistas para o atendimento dos casos graves de pessoas infectadas com o novo coronavírus, que é responsável pela covid-19. A previsão é de que o processo de recrutamento excepcional comece a partir da próxima semana.

Segundo a Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap), o recrutamento para contratação temporária de profissionais da saúde já foi autorizado e tramita em regime de urgência. O número de médicos que serão chamados ainda será dimensionado pela pasta.

O chamamento vai ocorrer a partir do volume de leitos que serão ocupados na rede estadual de saúde. “Informamos que ainda não há o quantitativo definido em relação aos profissionais, visto que foi proposta alteração no Plano de Contingência Estadual para Infecção Humana pelo Novo Coronavírus (COVID-19), tendo sido ampliado o número de leitos disponíveis e, dessa forma, havendo um redimensionamento dos profissionais”, informou a Sesap.

A contratação também é necessária pelo fato de não haver médicos intensivistas e de infectologistas na lista de 970 candidatos aprovados no concurso público dos cargos efetivos da saúde no Estado, que foi publicada no último sábado (14). Os convocados do concurso têm até 30 dias para se apresentar e tomar posse, prazo que poderá ser prorrogado por igual período conforme interesse do selecionado.

A convocação também servirá para a substituição de servidores que se encontram nos critérios de risco da doença: pessoas acima dos 60 anos ou que tenham alguma comorbidade (diabetes, cardiopatia, doenças crônicas etc). Além de médicos, o recrutamento excepcional também vai abranger vagas para maqueiros, técnicos de enfermagem, enfermeiros e fisioterapeutas.

Ainda de acordo com a Sesap, a expectativa é de que, ainda em abril, ocorra a instalação de 61 unidades de tratamento intensivo (UTI) e 73 unidades de cuidados intensivos (UCI) em hospitais do Rio Grande do Norte. Os novos 134 leitos voltados para pacientes mais graves deverão ser distribuídos em 10 hospitais públicos da rede estadual.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.