BUSCAR
BUSCAR
Autorização
Prefeitura amplia para 50% capacidade de público nos shoppings de Natal
Nova etapa de retomada das atividades econômicas da capital também liberou reabertura das praças de alimentação dos shoppings e as academias de ginástica com serviço de ar-condicionado
Redação
04/08/2020 | 22:24

A prefeitura do Natal ampliou nesta terça-feira (4) a segunda fração da fase 3 das ações de abertura da economia. A nova autorização permite que os shoppings centers com sistema de ventilação por ar condicionado aumentem a capacidade de ocupação para 50%. Além disso, o poder público municipal também autorizou a reabertura das praças de alimentação em todos os dias da semana.

Os centros comerciais permanecem permitidos a abrir das 12h até às 20h. O mesmo horário vale para as praças de alimentação dentro deles. Medida está disposta na edição desta terça-feira do Diário Oficial do Município (DOM). Em Natal, os shoppings estavam com funcionamento limitado a 30% da capacidade desde que reabriram em 28 de julho.

O documento também lista o protocolo geral que deve ser usado pelos estabelecimentos que trabalham com alimentação. Os funcionários dos estabelecimentos terão de fazer uso de máscara. O item só pode ser tirado na hora da refeição. Deve haver ainda distanciamento de dois metros entre mesas e um metro entre cadeiras. A higienização deve ser reforçada.

O Município segue adiante com o processo de retomada após a avaliação do Comitê Científico de Enfrentamento da Covid-19, que observou que houve diminuição da ocupação de leitos de enfermaria e de UTI na rede de Saúde. Além disso, foi registrada a diminuição do número de atendimentos de casos na porta de entrada – nas unidades de saúde.

As regras publicadas permitem a reabertura das academias, clubes, associações, box, studios e similares com sistema de ventilação por ar-condicionado.

Os horários permitidos para funcionamento são de segunda-feira a sábado, das 5h até as 22h, seguindo as regras estabelecidas no protocolo geral de enfrentamento à Covid-19, sob pena de interdição.

A fiscalização cabe à Semdes, Procon, Semurb, Semsur e SMS, que poderão, inclusive, interditar o estabelecimento que descumprir as regras estabelecidas pela Administração Pública Municipal.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.