BUSCAR
BUSCAR
Eleições 2020
Prefeito de Passa e Fica tem candidatura à reeleição indeferida pela Justiça
Sentença aponta que Celú Lisboa foi condenado em processo por improbidade administrativa e teve direitos políticos suspensos pelo prazo de cinco anos
Redação
21/10/2020 | 10:11

O prefeito de Passa e Fica, município do Agreste potiguar, teve a candidatura à reeleição indeferida pela Justiça Eleitoral. Celso Marinho Lisboa, mais conhecido como Celú Lisboa, foi considerado inelegível — de acordo com a decisão do juiz Ricardo Henrique de Farias, da 12ª Zona Eleitoral.

Celú faz parte da coligação “Passa e Fica continua crescendo”, composta pelos partidos PSB e PSD, com a participação de Maria de Lourdes Silva do Nascimento, mais conhecida como Lurdinha, como candidata à vice-prefeita.

A sentença aponta que o candidato foi condenado em processo por improbidade administrativa em primeiro grau, sendo uma das penas a suspensão dos direitos políticos pelo prazo de cinco anos. O Ministério Público Eleitoral manifestou-se favoravelmente pelo indeferimento.

Já em relação à Lurdinha, ficaram demonstradas as condições de elegibilidade para a candidatura ao cargo de vice-prefeita.

Na noite desta terça-feira 20, Celú publicou no perfil do Instagram que pretende recorrer da decisão, que, segundo ele, foi impulsionada pela oposição.

Ver essa foto no Instagram

NOTA DE ESCLARECIMENTO Recebemos, na noite de hoje, a informação de que o juiz eleitoral da 12ª Zona julgou procedente a impugnação apresentada pelo grupo de oposição contra a candidatura do prefeito Celú. Não concordamos com a decisão e iremos recorrer dela dentro das próximas 24 horas. Confiamos que o resultado será revertido na segunda instância, onde Celú será mantido como candidato e certamente continuará trabalhando pelo povo de Passa e Fica que lhe dará uma esmagadora maioria de votos no próximo dia 15 de novembro. Tal situação somente demonstra o tamanho do desespero do grupo de oposição que, sabendo que não tem votos para vencer uma eleição democraticamente, utiliza de outros meios para tentar colher os frutos daquilo que nunca plantou. Esclarecemos, ainda, que CELÚ CONTINUA SENDO O CANDIDATO DO GRUPO DA SITUAÇÃO e que o nosso evento do próximo sábado continua MANTIDO! Faremos o MAIOR ARRASTÃO QUE ESTA CIDADE JÁ VIU e com isso mostraremos aos que torcem contra que o que move o nosso grupo é a força da UNIÃO e o RECONHECIMENTO DE UM POVO QUE AMA A SUA TERRA e que não quer vê-la cair nas mãos erradas! Mais do que nunca, PASSA E FICA VOTA 🆑4️⃣0️⃣✅ #TMJCELÚ #AVitóriaSeráAindaMaior #QuemAmaPassaEFicaVOTA40 https://www.facebook.com/2234912280165602/posts/2794952724161552/

Uma publicação compartilhada por Celu Lisboa (@lisboacelu) em

Mandato

Celú Lisboa foi eleito prefeito após eleição suplementar realizada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) no dia 3 de fevereiro de 2019. Isso aconteceu porque Léo Lisboa, da mesma família, foi eleito em 2016 mas foi cassado em seguida, condenado pelos crimes de “abuso de poder econômico e político” durante o pleito, além de conduta vedada a agente público e captação ilícita de voto.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.