BUSCAR
BUSCAR
Coluna
Notas e informes: Década perdida
Redação
24/04/2020 | 00:30

Com a economia caminhando para mais um ano de recessão, a década atual (2011-2020) pode ser a de maior empobrecimento médio da população brasileira em mais de 100 anos, tomado como referência o Produto Interno Bruto (PIB) per capita – definido pelo quociente do valor do PIB com a população total. Cálculos do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV) mostram que o PIB per capita deverá recuar 4,1% em 2020, impactado pelas medidas de isolamento social do novo coronavírus, para R$ 30.780. Esse valor será o menor nível da renda desde 2007 (R$ 29.778).

Fake news

O deputado estadual Sandro Pimentel (PSOL) apresentou na Assembleia Legislativa um projeto de lei para combater a disseminação de notícias falsas sobre a Covid-19. O texto estabelece multa de R$ 1 mil para pessoas que divulgarem ou compartilharem fake news a respeito da doença, causando pânico ou tumulto social. A pena será dobrada se a notícia for comprovadamente atribuída a alguma autoridade pública. Os recursos obtidos com multas devem ser revertidos para o controle da pandemia no Estado.

Máscaras

O Governo do Estado começou a distribuir nesta quinta-feira (23) máscaras de tecido para a população se proteger da Covid-19. A ação foi iniciada em filas de agências bancárias de Natal. A ação faz parte do programa RN+Protegido, lançado na última semana pelo Governo do RN para distribuir máscaras produzidas nas oficinas do projeto Pró-Sertão.

Ficou devendo

Apesar de reconhecer que houve avanços, a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do RN (Fecomércio RN) lamentou o novo decreto publicado pelo governo estadual com regras para o funcionamento da atividade econômica. A entidade esperava que houvesse uma liberação para a abertura do comércio em geral, desde que respeitadas as recomendações das autoridades sanitárias.

Mercado reage

O dólar bateu novo recorde após informações sobre a possível saída de Sérgio Moro do Ministério da Justiça e Segurança Pública. A moeda fechou em R$ 5,5287, uma alta de 2,2%. Além das incertezas envolvendo o ministro, também influencia a moeda a possibilidade de redução de 0,75 ponto da Selic, a taxa básica de juros da economia. A diminuição afastaria o investidor estrangeiro do País.

Bloqueio

A Justiça Federal determinou o bloqueio de 10% dos salários de Fernando Bezerra Coelho (MDB), líder do governo Jair Bolsonaro no Senado, e de três deputados do Progressistas. Eles são alvo de ações de improbidade movidas pela força-tarefa da Operação Lava Jato em razão de supostos esquemas de propinas na Petrobras.

PRÓ-BRASIL
O ministro da Economia, Paulo Guedes, defendeu ser preciso investimento privado para executar o Pró-Brasil. O plano de retomada econômica prevê a aplicação de R$ 30 bilhões em investimentos em obras públicas de grande porte.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.