BUSCAR
BUSCAR
Transporte
Motoristas de aplicativo explicam constantes cancelamentos e demora de corridas em Natal
Motoristas alegam que o problema acontece devido o aumento dos preços
William Medeiros
30/12/2021 | 12:53

Usuários de aplicativos de transporte tem reclamado constantemente de chamadas que são canceladas pelos motoristas. O problema afeta tanto os consumidores, pois ficam com dificuldade de locomoção, quanto os condutores, por diminuição da demanda e, consequentemente, a redução nos lucros. Nesta quinta-feira 30, o Agora RN foi às ruas de Natal para questionar as razões desse problema, ouvindo o público em geral sobre o assunto.

“Nunca ouvi a versão dos motoristas justificando o motivo desses cancelamentos, que de fato tem sido mais frequentes, pelo menos eu tenho notado isso. Recentemente, por exemplo, eu tive que fazer um concurso e me programei para sair com 50 minutos de antecedência, sendo que foram 3 cancelamentos e não foram 3 cancelamentos imediatos, do tipo aceitou cancelou. Foram 3 cancelamentos em curso, eles aceitaram, me deixaram esperando por algum tempo e depois cancelaram a viagem. No fim das contas, foi mais de meia hora de espera dos ‘ubers’ com cancelamento ao fim”, disse o matemático Johnatan Costa. Segundo ele, o problema acontece tanto com a Uber, quanto com o 99 Pop.

Outra afetada foi a bióloga Maisie Barbosa. “Na maioria das vezes eu sou rejeitada quando estou no CB (Centro de Biociências da UFRN), mas tiveram ocasiões em que fui rejeitada quando estava no Via Direta. Em uma delas, depois de muito tempo, eu consegui pegar, mas eu desisti do Uber e apelei para o 99 Pop. No 99, o motorista chegou a dizer que atendia tanto no Uber, quanto pelo 99, mas ele preferiu pegar pelo 99, porque ele recebia mais pelo percurso que ele levava do Via Direta para o Centro de Biociências. Aí ele falou que a maioria d0s motoristas cancelavam aquele percurso porque não era vantajoso, ele acabava gastando mais quilometragem e mais combustível do que receberia pelo aplicativo”, disse. Ela cogitou até a pegar mais o 99 PoP, mas o problema de cancelamentos e demora continuava, pois há mais disponibilidade de transportes do Uber na cidade.

O presidente da Associação dos Motoristas Autônomos por Aplicativos no RN (Amapp-RN), Evandro Henrique, conta que não se pode atribuir a culpa somente ao condutor do carro. “Os cancelamentos acontecem devido dois fatores: a dimininuição da quantidade de motoristas e a análise sobre a rentabilidade da viagem feita pelo motorista”, contou.

Uma das justificativas para o aumento dos cancelamentos é relativo aos custos que o motorista precisa arcar, tais como combustível, financiamento do veículo, dentre outros. “Os custos subiram muito nos últimos anos e o valor que é pago para a categoria teve um aumento muito insignificante”, complementou. Ainda segundo Evandro, o condutor tem alguns segundos para aceitar a viagem e algo que não pode ser feito é o cancelamento após o usuário receber a confirmação da corrida.

Já trabalhando há dois anos com transportes por aplicativo, Marcos Ribeiro conta que os problemas financeiros afetam muito para que o problema aconteça. “Devido os custos, de uma forma geral, estarem muito altos, principalmente de combustível e manutenção, e também o aplicativo ter descredenciado muitos motoristas, isso diminui a demanda de motoristas para atender a população e a população só aumenta, solicitando corridas. É nesse momento que o motorista vai selecionar as corridas. Por exemplo, geralmente quem trabalha com aplicativo, ele nunca vai trabalhar somente com um aplicativo ligado, ele trabalha com dois ou três aplicativos”, disse. Ainda segundo o condutor, as corridas de uma cidade para outra – de Natal para Parnamirim, por exemplo – são mais atrativas e preferidas pelos motoristas.

http://

Já Silvan Paulo, que trabalha há 4 meses em aplicativos de transporte, abastece o carro a gás e, por esse motivo, não cancela viagens. “Muitos são da gasolina e a viagem não compensa muito, porque a gasolina está constantemente aumentando”, disse o condutor. “Se eu pegar uma corrida em Tirol e for para o mesmo bairro, na gasolina não compensa. Só compensaria se fosse para Lagoa Nova ou outros locais”, exemplificou.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.