BUSCAR
BUSCAR
Música
Hell Lotus: rock feito em Mossoró
Vitória Bessa e Gilderlan Holanda compõem o duo potiguar do gênero musical stoner rock
Ana Lourdes Bal
03/06/2020 | 05:00

“Hell é inferno em inglês e Lotus diz respeito à flor… A lotus tem a força da vida e da mudança ao seu favor e o Hell significa para gente a rebelião nisso tudo, ser subversivo”, diz Gilderlan Holanda, baterista da Hell Lotus, banda de Mossoró, cidade do Oeste potiguar, localizada a 276 Km de Natal. Ela é composta por ele e Vitória Bessa, guitarrista e vocalista. O duo de stoner rock tem influências de outros duos, como White Stripes, Black Pistol Fire e The Black Keys.

“O nome da banda surgiu de um gerador de nomes de banda de doom de um site gringo. O nome chegou até nós dessa forma e ressignificamos ele na estrada, acabou fazendo parte da nossa história e o significado está mais no apego do que nas palavras em si”, continua o baterista.

O duo existe desde 2018. Vitória e Gilderlan tinham alguns amigos em comum. Um certo dia, Gilderlan foi para um ensaio da banda Voidstorm, convidado por um dos integrantes, e Vitória também estava lá. Gil tinha acabado de sair da banda que participava. Após isso, os dois começaram a frequentar os mesmos lugares e se aproximaram. Assim, decidiram montar o projeto Evol.

“Foi uma formação bem incomum, com duas baterias e uma guitarra, mas não durou muito tempo por questões pessoais. Acabamos a Evol e criamos a Hell Lotus. Eu assumi a guitarra e Gil a bateria. Nos encontramos na música e tivemos ajuda de um amigo nosso, Rafaum, que desde o início acreditou e nos deu força para por o projeto para frente”, narra Vitória.

Durante o projeto da Incubadora Dosol, em 2019, eles lançaram seu álbum Calliphoridae, com nove faixas, tendo influências do rock de garagem, passeando pelo grunge, punk e stoner. A dupla afirma que esse foi um momento bastante marcante na história da banda.

Outro momento marcante para eles, foi conseguir produzir o single “Mulungu”, publicado na última sexta-feira (29), com Paulo Medeiros, da banda New Fight. “Gravamos em Santa Cruz e foi uma viagem que ficou marcada na nossa história”, expressa o baterista.

O duo se apresenta nesta quarta-feira (3) no Festival DoSol Sessions (@festivaldosol).

Av. Hermes da Fonseca, N° 384 - Petrópolis, Natal/RN - CEP: 59020-000
Redação: (84) 3027-1690
[email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.