BUSCAR
BUSCAR
Articulação
Consórcio Nordeste vai usar dados argentinos para trazer 66 milhões de doses da Sputnik V
Wellington Dias ressaltou que, no momento, aprovação da Anvisa ainda é entrave
CNN Brasil
08/04/2021 | 14:15

Com o baixo número de vacinas no Brasil, o Consórcio de Governadores do Nordeste tenta se movimentar para trazer 66 milhões de doses do Sputnik V ao país. Para viabilizar isso, o grupo se reuniu nesta quarta-feira 7 com a Anvisa . O presidente do consórcio, governador do Piauí Wellington Dias (PT) explicou que, no momento, a aprovação da agência ainda é um entrave para a chegada das doses – mas comemora o resultado do encontro.

“Tivemos uma vitória importante com a Anvisa, que é separar os processos de importação pelo Ministério da Saúde, pela União Química e pelo Consórcio do Nordeste”, disse o governador. “Queremos o cumprimento da lei 124 de 2021, que reconhece a situação de calamidade e adota medida em que é possível permissão excepcional de vacinas desde que aprovada por outra agência reguladora de uma lista obrigatória pelo Congresso.”

Dias disse que já está em contato com autoridades argentinas – que já aprovou o Sputnik V e é um dos países da lista de agências reguladoras aprovadas pelo Congresso – para que enviem a Anvisa dados sobre os estudos sobre a vacina russa.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.