BUSCAR
BUSCAR
Emocionado
Bombeiro chora ao salvar criança de 4 anos que se afogava em São Paulo
"Ele era tão pequeno, magrinho, que não cabia no flutuador. Foi quando falei para ele vir comigo e ele disse que estava com muito medo e me abraçou, exatamente como meu filho fala e faz quando sente medo de algo. Naquela hora eu me lembrei do meu filho e me emocionei muito", disse Joel Lemos
Redação/ G1
14/09/2020 | 13:53

Neste fim de semana o bombeiro marítimo Joel Júnior Silva Lemos se emocionou ao salvar uma criança, de 4 anos, que se afogava em Guarujá, no litoral de São Paulo. Em fotos compartilhadas nas redes sociais mostram o bombeiro enxugando as lágrimas, com a criança nos braços, imagem viralizou na internet. As informações são do G1.

De acordo com o bombeiro, além do menino, mais três pessoas estavam se afogando: uma menina de 10 anos, um adolescente de 13 e uma jovem de 18. Todos eram da mesma família. Lemos e mais três membros da equipe do Grupamento de Bombeiros Marítimo (GBMar) participaram do resgate.

“Ele era tão pequeno, magrinho, que não cabia no flutuador. Foi quando falei para ele vir comigo e ele disse que estava com muito medo e me abraçou, exatamente como meu filho fala e faz quando sente medo de algo. Naquela hora eu me lembrei do meu filho e me emocionei muito. Tive que tentar conter a descarga de adrenalina para trazê-lo à faixa de areia. A foto tirada mostra que estou com ele nos braços como se fosse meu filho mesmo, foi muito forte a emoção. Foi tirada bem na hora que eu enxugava minhas lágrimas”, canta Lemos que salvou o menino de 4 anos.

Após o salvamento, os responsáveis pelas crianças foram orientados sobre os cuidados necessários com as crianças e as vítimas foram liberadas.

*Com informações do G1

Av. Hermes da Fonseca, N° 384 - Petrópolis, Natal/RN - CEP: 59020-000
Redação: (84) 3027-1690
[email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.