BUSCAR
BUSCAR
Polêmica
Anderson Leonardo, do Molejo, diz que marcou encontro com MC Maylon e que foi chantageado
O vocalista do Molejo alega que a mãe do jovem o procurou para arcar com tratamentos médicos do rapaz
IG
08/02/2021 | 12:10

Anderson Leonardo, vocalista do Molejo, está sendo acusado de estupro pelo cantor e dançarino Maycon Douglas Porto do Nascimento Adão, conhecido como MC Maylon. O cantor de pagode prestou depoimento ao delegado Reginaldo Guilherme, titular da 33ª DP (Realengo), e disse que combinou com o jovem no dia 10 de dezembro que eles teriam relações sexuais no dia seguinte.

Segundo depoimento de Anderson, ao qual o jornal Extra teve acesso, na meia-noite do dia 11 de dezembro, o pagodeiro e MC Maylon foram ao hotel Queen, na zona oeste do Rio de Janeiro. O vocalista do Molejo também falou que o rapaz continuou a frequentar shows da banda após o encontro.

Anderson disse que conheceu Maylon em julho de 2020, quando a mãe do jovem o abordou e pediu para ele ajudar o rapaz na carreira artística. Ele conta que após isso reconheceu o dançarino na plateia de seis shows que fez e decidiu convidá-lo para se apresentar, mas “a coisa não deu muito certo”.

Segundo o cantor, Maylon chegou a se apresentar em 3 shows do Molejo, acompanhado por um DJ de funk. Em setembro o jovem teria dito que faria uma tatuagem com o rosto de Anderson, algo que ele de fato faz. O pagodeiro também fala que aconselhou o dançarino diversas vezes e tentou fazê-lo desistir de pensamentos suicidas.

Ainda no depoimento, Anderson afirma que foi chantageado pela dona de casa Jupira Pinto, mãe de MC Maylon. Ele conta que a mulher disse que ele deveria arcar com tratamentos médicos para o dançarino, caso contrário “tudo iria parar na imprensa” e a carreira dele seria prejudica.

Jupira nega que chantageou Anderson. “Nunca houve chantagem. Quando eu fui conversar com ele, era para pedir que ele visse médico para o Maylon. Expliquei bem para ele, que Maylon precisava de médico depois que ele cometeu isso com o Maylon, que ele fez essa coisa horrorosa. O Anderson fez sem camisinha. Maylon de 21 anos. E Anderson com a idade que tem. Maylon nunca tinha tido parceiro. Falei para ele: eu não tenho condições de levar meu filho para fazer exames particulares. Então eu dependo da ajuda dos meus amigos, como está acontecendo agora”, a dona de casa disse em entrevista ao jornal Extra.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.