BUSCAR
BUSCAR
Entrevista
‘Aliança de Fátima com oligarquias e adversários históricos foi inadequada’, defende Natália
Deputada diz que não acha adequada a tática de se aliar com quem tem posições tão diferentes
Adenilson Costa | Repórter de Política
04/06/2022 | 09:05

A deputada federal Natália Bonavides (PT) revelou, com exclusividade ao AGORA RN, os motivos que a levaram a se opor às indicações de Walter Alves (MDB) para vice-governador e Carlos Eduardo Alves (PDT) para o Senado, na chapa majoritária da governadora Fátima Bezerra (PT). “Minha posição foi em razão de não achar adequada a tática de se aliar com quem tem posições tão diferentes das nossas”, afirmou.

AGORA RN – Qual a sua avaliação do governo Fátima Bezerra?
NATÁLIA BONAVIDES – A governadora está fazendo um governo muito bom, um exemplo de trabalho pelo povo! Mesmo com todo o caos herdado dos governos anteriores e com Bolsonaro jogando contra, tirando recursos, aprofundando a crise e atacando o governo estadual, a governadora pagou as folhas atrasadas, evitou o colapso de serviços essenciais à população, tem implementado políticas específicas para os grupos historicamente excluídos, e está conseguindo recuperar a capacidade de investimento do estado. O governo da professora Fátima tem, de fato, representado um projeto popular, que prioriza a educação, a saúde e a melhoria das condições de vida do povo do Rio Grande do Norte.

AGORA RN – Em que pontos a gestão Fátima Bezerra acertou?
NATÁLIA BONAVIDES – Certamente é o melhor governo que o nosso Estado já teve! Eu destaco a atuação na pandemia, com a constituição de um Comitê Científico, a contratação de profissionais e interiorização da saúde. Foram imensos os desafios que a pandemia trouxe e que ela e os trabalhadores da saúde do RN encararam com maestria. Também destaco a atuação na área da educação, com a valorização e estruturação da UERN e a reforma de escolas e criação dos IERNs pelo Programa Nova Escola Potiguar.

AGORA RN – Em que a governadora Fátima Bezerra errou?
NATÁLIA BONAVIDES – A governadora tem feito um trabalho sério e mostrado que tem compromisso com o povo potiguar. Mesmo nos temas mais difíceis, buscou tomar decisões utilizando do diálogo e da transparência, como deve ser em um governo que preza pela democracia.

AGORA RN – Sobre a reeleição e a chapa majoritária Fátima Bezerra – Walter Alves e Carlos Eduardo Alves. Porque a senhora votou contrário?
NATÁLIA BONAVIDES – Votei de forma favorável à reeleição da companheira Fátima, inclusive apresentando um balanço muito positivo do seu governo, que foi aprovado como resolução do encontro. Quanto ao voto contrário nas indicações para vice e senado, minha posição contrária foi em razão de não achar adequada a tática de se aliar com quem tem posições tão diferentes das nossas, o que se traduziu numa aliança com oligarquias e com adversários históricos. Exemplo dessas diferenças são as votações na Câmara em relação as medidas propostas por Bolsonaro. Independente disso, minha posição na eleição é a do meu Partido, sou petista desde sempre e estaremos todos juntos para eleger Fátima mais uma vez governadora, Lula presidente, ampliar as nossas bancadas na Câmara Federal e na Assembleia e derrotar Rogério Marinho para o Senado.

AGORA RN – Quais pontos a senhora não concordou?
NATÁLIA BONAVIDES – Trata-se de uma divergência sobre o conjunto da tática de aliança entre posições tão distintas. Não concordei com essa tática em nível nacional e também não acho que seja a melhor em nível local. Agora, com as instâncias partidárias deliberando sobre o assunto, sem dúvidas o PT caminhará unido em busca do resultado eleitoral que seja melhor para a vida do povo trabalhador.

AGORA RN – Qual sua avaliação sobre a atuação do Governo Federal?
NATÁLIA BONAVIDES – O governo de Bolsonaro é cruel com a população brasileira. O povo está passando fome, sem renda, sem moradia e tem sofrido a todo tempo com a retirada de recursos das áreas mais básicas, como saúde e educação. Na pandemia, Bolsonaro foi o maior parceiro do vírus e isso resultou na morte de mais de 660 mil pessoas. É um governo que coleciona crimes de responsabilidade e casos de corrupção, e que atenta quase que diariamente contra a democracia. E todo esse caos que estamos vivendo não é fruto do acaso. O que Bolsonaro está fazendo é executar um projeto que tem como objetivo atender os interesses das elites, do mercado financeiro e do capital internacional, e a piora das condições de vida do povo é condição indispensável para que esse objetivo seja atingido. O dado que melhor mostra isso é o do aumento, nos últimos anos, do abismo entre pobres e ricos em nosso país. Por isso que além de derrotar Bolsonaro, é preciso derrotar também o projeto neoliberal que ele representa.

AGORA RN – Como a senhora avalia o trabalho do Congresso Nacional?
NATÁLIA BONAVIDES – O golpe contra a Dilma escancarou as portas do retrocesso no poder legislativo. O Congresso Nacional tem sido palco de inúmeras retiradas de direitos desde então, como a aprovação da reforma trabalhista e do teto dos gastos durante o governo de Temer, que estão causando um verdadeiro desastre no país, como a Reforma da Previdência, a privatização da Eletrobras e a medida provisória do emprego sem carteira assinada, no governo Bolsonaro. Ao mesmo tempo, conseguimos algumas vitórias pontuais e significativas, como a aprovação do FUNDEB permanente e do piso dos trabalhadores da enfermagem, da lei que proíbe os despejos na pandemia, que foi de nossa autoria, e das medidas de apoio ao setor cultural (Lei Aldir Blanc e Lei Paulo Gustavo). Essas conquistas foram fruto de muita luta social, mostrando que é importante que representações da classe trabalhadora ocupem e disputem a pauta do poder legislativo.

‘Gestão de Álvaro Dias se assemelha a de Bolsonaro; Natal vive no caos’, afirma

AGORA RN – Como a senhora avalia seu mandato e sua atuação na Câmara Federal?
NATÁLIA BONAVIDES – Acho que nosso mandato tem buscado ser um mandato propositivo e atuante, que tem como horizonte mudar concretamente a vida das pessoas. O resultado disso a gente vê de várias formas. Os números mostram que somos o mandato da bancada federal do RN que mais apresentou projetos de lei, que mais aprovou projetos e o que mais destinou recursos ao governo do Estado, além das emendas para o IFRN, Ufersa, UFRN.

Nosso trabalho com as emendas parlamentares tem sido muito importante nesse momento em que o governo federal tira recursos públicos de tudo e só quer mandar dinheiro para o orçamento secreto. Nos contrapondo a isso. Através das emendas impositivas, destinamos mais de R$ 40 milhões para saúde, R$ 33 milhões para educação, R$ 12 milhões para agricultura familiar, além de recursos para o fortalecimento das delegacias das mulheres, equipamentos para os trabalhadores da segurança pública, investimento no setor cultural como o que possibilitará o retorno do Circuito Ribeira em Natal, a reforma do hospital que virará a policlínica de Canguaretama, a finalização da escola de medicina de Caicó.

Esses são apenas alguns exemplos de ações que nosso mandato fez e seguirá fazendo pelo RN. E o conteúdo das nossas ações também reflete a relevância do mandato, que é de buscar garantir direitos para a classe trabalhadora e de fortalecer as políticas públicas no estado, atuando junto da governadora Fátima Bezerra na reconstrução do RN, com políticas para a agricultura, saúde, emprego e muito mais. Buscamos atuar com bastante combatividade contra o governo de Bolsonaro e suas medidas antipovo. Votamos contra medidas como a Reforma da Previdência, o congelamento de salários e as privatizações e temos denunciado os desmontes e as ilegalidades que são cometidas com frequência por Bolsonaro e seus ministros.

AGORA RN – Como avalia sua postura enquanto oposição ao governo de Jair Bolsonaro?
NATÁLIA BONAVIDES – Nossa postura tem sido de combatividade e de enfrentamento. Temos buscado utilizar todos os instrumentos que estão ao nosso alcance para impedir o governo de Bolsonaro de continuar com seu projeto de destruição da vida, da dignidade e da democracia. Além dos votos contrários aos projetos de Bolsonaro que tiram direitos da população e das medidas legislativas que apresentamos para se opor aos desmontes do governo federal, também acionamos as instituições do sistema de justiça mais de 40 vezes para que fossem tomadas medidas legais cabíveis, diante dos crimes praticados e de tantas ilegalidades cometidas por esse governo antipovo.

AGORA RN – Por que a senhora está disponibilizando seu nome para reeleição?
NATÁLIA BONAVIDES – Penso que o nosso mandato tem cumprido um papel importante em diversos aspectos. Aqui no RN, por exemplo, estivemos junto da governadora Fátima na tarefa de arrumar a casa nesse primeiro mandato de governo, e a continuidade dessa parceria vai ser importante no segundo mandato, para avançar ainda mais no projeto para o povo do RN. O presidente Lula também vai precisar de uma base forte no Congresso, para tirar o país desse buraco que Bolsonaro cavou. Atualmente, sou a deputada federal mais jovem da bancada do RN e isso tem implicações na questão da representatividade e no debate político que acontece na bancada e na Câmara Federal de forma geral. Também destaco a forma como o nosso mandato tem atuado, sempre em diálogo com a população, fazendo debates e prestando contas do nosso trabalho, em atividades realizadas nas diversas regiões do estado.

AGORA RN – O que a senhora pretende fazer, caso chegue ao segundo mandato de deputada federal? O que fez no primeiro mandato? O que deixou de fazer?
NATÁLIA BONAVIDES – No segundo mandato de deputada quero dar continuidade ao trabalho que a gente já vem fazendo de defender os direitos da classe trabalhadora e de contribuir com o fortalecimento das políticas públicas no Rio Grande do Norte, atuando junto do governo da professora Fátima na tarefa de melhorar a vida do povo potiguar. No primeiro mandato trabalhamos em diversas frentes. Destinamos recursos e apresentamos projetos de lei para a educação, saúde, agricultura familiar, segurança pública, cultura, e para garantir direitos das mulheres, da população negra, LGBTQIA+, pessoas com deficiência e de povos tradicionais. Aprovamos a lei que proibiu despejos das populações vulneráveis no período da pandemia. Acredito que podemos ampliar ainda mais esse campo de atuação no segundo mandato, ainda mais com Lula sendo eleito presidente.

AGORA RN – Como a senhora avalia a gestão do prefeito de Natal Álvaro Dias?
NATÁLIA BONAVIDES – A administração da Prefeitura de Natal se assemelha à de Bolsonaro. Na pandemia isso ficou ainda mais evidente, quando o prefeito, em diversos momentos, foi contra as recomendações científicas. Hoje, Natal vive um verdadeiro caos, com problemas em todos os serviços essenciais, com os trabalhadores do serviço público sem uma remuneração digna e com a piora constante do transporte público, deixando cada vez mais difícil a vida de quem vive em nossa cidade.

AGORA RN – Quais são os acertos de Álvaro Dias?
NATÁLIA BONAVIDES – A Prefeitura de Álvaro Dias tem sido um desastre para o povo de Natal. É um governo alinhado a Bolsonaro, que vem se valendo de práticas autoritárias contra quem reivindica direitos e denuncia os desmontes que tão acontecendo em nossa cidade. Imagine que é uma prefeitura capaz de expulsar pessoas em situação de rua de onde dormiam, tomando seus pertences e sem dar qualquer alternativa de política pública, e isso em meio à pandemia. Isso é desastroso e desumano. O povo natalense merece ser respeitado.

AGORA RN – E os erros?
NATÁLIA BONAVIDES – Como eu disse, Natal está um caos. Estamos falando do prefeito que aumentou o próprio salário em 60%, enquanto descumpre o piso salarial dos professores, que, nas ações judiciais que protocolamos contra a retirada de linhas ônibus, atua na defesa das empresas do SETURN, que tira segurança dos serviços municipais para vigiar um viaduto, para impedir que a população em situação de rua tenha um abrigo. Esses são apenas alguns dos absurdos desta prefeitura de Álvaro Dias.

AGORA RN – Como a senhora analisa as problemáticas em torno da cidade de Natal? Quais são os problemas? Por que não são solucionados?
NATÁLIA BONAVIDES – Os problemas de Natal persistem porque até agora não tivemos uma administração municipal que olhe, de fato, para o povo natalense. O que vemos são gestões cedendo a interesses das elites, como por exemplo, no caso do transporte público e do plano diretor, que atingem diretamente o direito à mobilidade e à moradia da população trabalhadora.

AGORA RN – A senhora pretende colocar seu nome à disposição do PT para ser prefeita de Natal (nas próximas eleições municipais)? Quais são os seus planos para Natal?
NATÁLIA BONAVIDES – Por enquanto, estou focada no meu mandato e na disputa para a reeleição como deputada federal. O plano do nosso mandato é continuar trabalhando para melhorar a vida do povo potiguar, inclusive o natalense. Destinamos milhares de recursos para a educação, saúde, segurança pública, esporte, cultura e outras políticas de direitos humanos de Natal, e esperamos no segundo mandato fazer ainda mais.

Sede: Rua dos Caicós, 2305-D, Nossa Sra. de Nazaré. Natal/RN | CEP: 59060-700
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.