BUSCAR
BUSCAR
Violência
[VÍDEO] Agente penitenciário é morto a tiros na frente de casa, em Candelária
Paulo Roberto, 25° agente de segurança morto este ano, trabalhava no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Candelária e fazia parte do Grupo de Escolta Penal (GEP)
Redação
15/12/2018 | 16:42

Um agente penitenciário identificado como Paulo Roberto da Silva, de 38 anos, morreu na noite desta sexta-feira, 14, em Natal, após ser baleado na frente de casa em Candelária, na zona Sul de Natal. A pistola da vítima também foi roubada pelos criminosos durante a ação.

Paulo Roberto trabalhava no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Candelária e fazia parte do Grupo de Escolta Penal (GEP). Ele é o 25º agente de segurança pública assassinado no Rio Grande do Norte em 2018.

O crime foi gravado por uma câmera de segurança. O agente penitenciário falava ao telefone quando dois homens chegaram em uma moto, com a arma apontada para ele. Paulo Roberto ainda sacou sua pistola, para tentar reagir, mas foi baleado na cabeça e caiu.

Antes da dupla fugir, um dos criminosos deixou a motocicleta e pegou a arma do agente.

Policiais ainda não sabem determinar se a morte de Paulo Roberto foi um latrocínio ou execução. O agente penitenciário deixa uma esposa e três filhos.

Ninguém foi preso até o momento.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.