BUSCAR
BUSCAR
Último dia
Encerramento da campanha contra assédio nos coletivos acontece nesta quarta
Ideia da campanha foi realizada em março em referência ao Dia Internacional da Mulher, mas terá continuidade ao longo do ano, conforme vem sendo planejado pela Semul
Redação
03/04/2018 | 17:53

Devido às chuvas em Natal na última quarta-feira, 28, as ações de encerramento das intervenções de rua da campanha “Não dê passagem ao assédio sexual. Mulher, não se cale” – iniciadas no mês de março –, foram adiadas para esta quarta-feira, 4.

O trabalho será realizado a partir das 16h na zona oeste da capital, na rodoviária da Cidade da Esperança, em pontos de ônibus na Avenida Felizardo Moura, na Praça Gentil Ferreira e na Avenida Presidente Bandeira no Alecrim. A ideia, no entanto, é que a campanha pioneira em Natal, realizada em março em referência ao Dia Internacional da Mulher -, tenha continuidade ao longo do ano, conforme vem sendo planejado pela Secretaria Municipal de Políticas Públicas para Mulheres (Semul).

Durante a ação, as equipes abordarão passageiros e passageiras para entregar material educativo a respeito do tema e as mulheres, especialmente, serão alertadas sobre a necessidade de denunciar o crime de assédio. A equipe de teatro da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU) também estará presente, apresentando performance montada especialmente para chamar a atenção da população para refletir sobre as implicações do assédio sexual nos transportes públicos de forma lúdica. A atividade já esteve presente nas regiões sul, norte e leste da capital.

O trabalho é coordenado pela Secretaria Municipal de Políticas Públicas para as Mulheres (Semul) em parceria com a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU), Secretaria Municipal de Planejamento (Sempla), Secretaria Municipal de Comunicação Social (Secom), Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social (Semdes) e o Gabinete do Prefeito (GAPRE). A iniciativa conta ainda com o apoio do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (CMDM).

“A receptividade da população tem sido bastante positiva e, neste contato, percebemos a necessidade de continuarmos potencializando, por meio das políticas públicas municipais, ações que alertem a sociedade contra o assédio sexual nos transportes públicos, pois é um problema diário enfrentado de forma silenciosa pelas mulheres. Essa situação precisa mudar, esse crime deve ser denunciado, o agressor não pode mais ficar impune”, alerta Andréa Ramalho Alves, secretária municipal de políticas públicas para as mulheres.

Para a secretária, a mudança de cultura passa por ações educativas como esta campanha, que traz para a discussão uma forma de violência contra a mulher que a constrange e a coloca em um lugar de humilhação, pois, muitas vezes, é “obrigada” a conviver com o agressor diariamente, já que utiliza o transporte nos mesmos horários, todos os dias.

Além das ações de abordagem as usuárias e os usuários nos pontos de ônibus, a campanha “Não dê passagem ao assédio sexual. Mulher não se cale” também conta com cartazes no interior dos ônibus e anúncios de busdoor e frases de efeito nos luminosos da STTU, chamando atenção para o enfrentamento ao assédio sexual nos transportes públicos. A campanha também está presente nas redes sociais com a hashtag #Natalcontraoassedio.

 

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.