BUSCAR
BUSCAR
Transporte
Rodoviários de Natal planejam retomada de greve para a próxima semana
Decisão ocorreu após reunião de negociações entre o Sintro e o Seturn na noite desta terça-feira (21).
Redação
22/07/2020 | 08:39

Funcionários do transporte público de Natal planejam retomada da greve, que em junho afetou milhares de pessoas na capital, para a próxima semana. A decisão ocorreu após negociações entre o Sindicato dos Rodoviários (Sintro) e o Sindicado das Empresas de Transportes Urbanos (Seturn) na noite desta terça-feira (21).

Em nota, o Sintro explicou que “nada foi resolvido” e que “a greve deve retomar já na próxima semana”. A movimentação, de acordo com o Sindicato, será semelhante a anterior: apenas as linhas metropolitanas (as que rodam na capital) vão aderir. Ainda segundo o Sindicato, um edital será publicado para infomar a população sobre a nova interrupção no sistema de transportes da capital.

Desde maio, rodoviários promovem manifestações e paralisações pela manutenção de benefícios como vale-refeição e vale-transporte, além de adicional para quem exerce a dupla função de motorista e cobrador. A categoria também reivindica a volta de cobradores que foram demitidos.

No mês passado, após uma série de paralisações, os rodoviários iniciaram uma greve no dia 22, que afetou cerca de 85 mil trabalhadores. Na mesma semana, no dia 25, o movimento foi suspenso. Em anúncio feito ao vivo nas redes sociais, o Sintro informou que daria “uma trégua” na greve para tentar nova negociação com o Seturn e com a Prefeitura do Natal.

“Não acabamos a greve, vamos dar uma trégua para tentar negociação. Caso não haja conversa, a greve continua. Amanhã [sexta-feira] a frota que sai é a da pandemia”, disse na ocasião, Rubens Pereira, representante do Sintro.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.