BUSCAR
BUSCAR
Crime
Mulher é morta com nove facadas por ex que não aceitou término
"Depois dela falar que não queria mais, ele a esfaqueou nove vezes”, contou o irmão da vítima.
Metrópoles
05/04/2022 | 13:13

São Paulo – Ana Paula Trajano, 29, foi morta, na tarde dessa segunda-feira (4/4), com nove facadas, na Unidade de Saúde da Família (USF) Mário Covas, em Cubatão, no litoral de São Paulo, onde ela trabalhava.

A mulher tinha terminado o namoro de dois meses nesse mesmo dia. “Ela pediu um tempo, e ele, não satisfeito, foi até a casa da minha mãe, pegou uma faca sem minha mãe ver, foi no serviço dela”, disse ao G1 Elvis Barbosa, irmão da vítima.

Segundo Barbosa, Ana e o namorado conversaram no hospital antes do ataque. “Depois dela falar que não queria mais, ele a esfaqueou nove vezes”, contou o irmão.

A vítima chegou a ser socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas teve a morte confirmada no Pronto Socorro Central de Cubatão.

Moradores detiveram suspeito

O homem tentou fugir, mas foi segurado por moradores do bairro Vila Natal. Em seguida, o suspeito acabou preso por policiais militares do 2º Batalhão de Ações Especiais de Polícia (Baep) que passavam pela região.

Ele foi encaminhado para a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Cubatão, onde o crime foi registrado como homicídio qualificado. O local do ataque e a faca usada foram periciados.

Sede: Rua dos Caicós, 2305-D, Nossa Sra. de Nazaré. Natal/RN | CEP: 59060-700
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.