BUSCAR
BUSCAR
Confusão

Mineiro sai no tapa com ativistas do MBL em confusão no aeroporto

Deputado foi ao terminal para recepcionar Gleisi Hoffmann e se desentendeu com manifestantes bolsonaristas que estavam no local
Redação
16/03/2024 | 07:35

O deputado federal Fernando Mineiro (PT-RN) saiu no tapa com ativistas do Movimento Brasil Livre (MBL) na tarde desta sexta-feira, 15. O episódio aconteceu no Aeroporto Internacional Aluízio Alves, em São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal, durante a chegada ao RN da deputada federal Gleisi Hoffmann, presidente nacional do PT.

Um dos ativistas era Matheus Faustino, que se identifica nas redes como “Faustino RN”. Pré-candidato a vereador de Natal, ele tem ganhado notoriedade nas redes sociais por provocar políticos de esquerda em lugares públicos. Ele passou de 300 mil seguidores no Instagram ontem.

Confusão entre Fernando Mineiro e ativistas do MBL / Foto: reprodução
Confusão entre Fernando Mineiro e ativistas do MBL / Foto: reprodução

Imagens divulgadas pelo próprio Faustino nas redes sociais mostram que ele foi ao aeroporto para provocar Gleisi Hoffmann durante a chegada da deputada ao RN. No vídeo, ele faz perguntas para a parlamentar sobre o aumento no número de feminicídios durante o primeiro ano do Governo Lula. Após não ser respondido a contento pela deputada, ele começa a gritar no aeroporto, falando sobre denúncias contra Gleisi na época da Operação Lava Jato.

Depois disso, o vídeo corta para as agressões. Mineiro aparece batendo em auxiliares do influenciador após um tapa ser registrado perto de Gleisi. Mineiro e um apoiador de Faustino caem no chão e trocam tapas. Em uma das imagens, o deputado aparece dizendo: “Fascista eu quebro no pau”.

No mesmo vídeo, momentos depois, Matheus Faustino aparece em frente a uma delegacia. Ele disse que registrou boletim de ocorrência na Polícia Civil por agressão e ameaça.

Em nota, Mineiro disse que a confusão aconteceu após Gleisi Hoffmann ser “vítima de ataques misóginos por bolsonaristas no aeroporto de Natal”.

“Outras vezes esse mesmo grupo causou provocações em Natal, com o presidente da Embratur, Marcelo Freixo, e também com as deputadas estaduais Isolda Dantas e Divaneide Basílio. É um grupo fascista organizado, que invade espaços políticos e agride petistas, principalmente mulheres.”

Mineiro enfatizou que “quem me conhece sabe que prezo pelo diálogo e pelo respeito às divergências, mas não podemos tolerar a repetição organizada desse tipo de agressão gratuita e criminosa”.

“Já estamos tomando as providências cabíveis na Justiça para que esse grupo seja punido por suas atitudes e cessem os ataques contra nós. Não temos medo e não vamos recuar”, finalizou.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Lula prometeu cumprir arcabouço fiscal em conversa com ministros: “Não abro mão”
Segundo o ministro das Relações Institucionais, presidente disse que regra ajuda a ampliar investimentos no país e recuperar políticas sociais
12/07/2024 às 20:15
Investigados mentiram para proteger Bolsonaro em caso das joias, diz PF
Depoimentos trouxeram informações erradas sobre a localização, movimentação e destino dos itens desviados do acervo público
12/07/2024 às 18:26
STF realiza audiência de custódia de presos no caso Abin
Segundo a PF, agência foi usada para favorecer filhos de Bolsonaro
12/07/2024 às 15:22
George Soares toma posse como Conselheiro do TCE na próxima quarta-feira
Vaga pertence ao quadro de indicados pela Assembleia Legislativa e estava aberta desde a aposentadoria do Conselheiro Tarcísio Costa
12/07/2024 às 15:13
Salatiel de Souza e Homero Grec oficializam pré-candidaturas em Parnamirim
Evento da pré-chapa ocorrerá no Boungaville Recepções nesta segunda-feira 12
12/07/2024 às 11:55
Paulinho Freire tem condição de vitória e fará grande governo, afirma ACM Neto
Vice-presidente do União Brasil visitou RN ontem para lançamento de guia para ajudar na elaboração de planos de governo
12/07/2024 às 07:59
Câmara aprova PEC da Anistia, que reduz cota para negros nas eleições
Projeto tramitou por mais de um ano com pouquíssimo debate público e só teve oposição do PSOL e do Novo; texto segue agora para o Senado
11/07/2024 às 21:59
‘Intenção de rompimento democrático’, diz Randolfe sobre monitoramento ilegal da Abin
O líder do governo no Congresso Nacional, senador Randolfe Rodrigues (sem partido-AP), consta na lista de autoridades que foram monitoradas ilegalmente pela Agência Brasileira de Inteligência (Abin)
11/07/2024 às 20:02
Câmara aprova destinação de 5% de emendas parlamentares a catástrofes
Nos dois turnos, proposta teve votos de apoiadores do governo e da oposição, além de encaminhamento favorável de todas as bancadas partidárias
11/07/2024 às 15:19
“Não vi como bronca”, diz Márcio Macêdo sobre cobrança de Lula
Presidente pediu ao ministro mais participação em reuniões
11/07/2024 às 11:51