BUSCAR
BUSCAR
Política
Milton Ribeiro vai passar por audiência de custódia
A defesa do político divulgou em nota que "inexiste razão para a prisão preventiva editada", bem como a "custódia é injusta, desmotivada e indiscutivelmente desnecessária"
Redação
22/06/2022 | 18:31

Ex-ministro da Educação vai ser transferido para a Superintendência da Polícia Federal (PF) em Brasília. Milton Ribeiro, teve sua prisão decretada hoje, 22, pelo juiz da 15ª Vara Federal do Distrito Federal.

Amanhã, 23, o ex-ministro vai passar por audiência de custódia, marcada para às 14h00.

Milton Ribeiro foi alvo da Operação Acesso Pago, que investiga o tráfico de influência com corrupção para liberar recursos do povo por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), o qual é vinculado ao Ministério da Educação (MEC). O ex-ministro mora em Santos (SP) e vai para Brasília.

A defesa do político divulgou em nota que “inexiste razão para a prisão preventiva editada”, bem como a “custódia é injusta, desmotivada e indiscutivelmente desnecessária”.

“Visando o reconhecimento da coação ilegal imposta, especialmente porque os fatos são pretéritos e sem contemporaneidade” diz trecho de nota divulgada pelo advogado do ex-ministro, Daniel Bialski. Um pedido de habeas corpus será protocolado pela defesa.

As informações são da Agência Brasil.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Rua dos Caicós, 2305-D, Nossa Sra. de Nazaré. Natal/RN | CEP: 59060-700
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.