BUSCAR
BUSCAR
Polêmica
Ex-BBB Renata D’Ávila acusa ex-marido de cortar luz e pensão de filha
Participante do Big Brother Brasil 12 expôs o áudio de uma conversa no telefone com uma mulher --que teve sua identidade preservada-- em que ela avisa Renata que Guimarães não iria realizar mais nenhum pagamento para suprir as despesas dela e da filha deles
Notícias da TV
06/07/2021 | 13:49

Em um desabafo publicado nas redes sociais, a ex-BBB Renata D’Ávila acusou o ex-marido de cortar a luz e internet de sua casa. Além disso, a modelo alegou que Humberto Pentagna Guimarães não paga a pensão alimentícia assegurada por lei para a filha dos dois e disse ainda que ele a ameaça de agressão e morte. “Mau-caráter é quem ameaça, quem ofende”, disse a atriz.

“Resolvi fazer esse vídeo pra tentar esclarecer mais um pouco esse assunto chato que veio à tona novamente em relação ao meu divórcio, não é segredo nenhum esse divórcio conturbado que eu vivo”, começou a influenciadora digital no vídeo publicado em seu canal no YouTube.

“Após dois anos de separação, finalmente foi decretada a prisão pela falta de pagamento de pensão alimentícia do pai da minha filha. Na matéria que saiu na [revista] Quem esses dias, ele se pronunciou e teve a coragem de falar que ele não estava falando nada que o juiz não tivesse solicitado. Ele alegou que ele só deveria pagar a pensão para a nossa filha após a nossa saída do imóvel [que ela e a filha moram]”, continuou a atriz.

“Tudo bem, a gente tá aqui, mas aí ela não precisa em dois anos de pensão alimentícia, de ajuda financeira, de suporte? Isso não faz sentido nenhum. Acontece que quando demos início ao nosso processo de divórcio, lá em 2019, o juiz determinou uma pensão provisória em favor da minha filha, considerando que o valor da pensão era suficiente para arcar com os custos da nossa filha e também com uma locação de outro imóvel”, explicou.

“Agora que finalmente saiu esse decreto de prisão, eu quis sim colocar na mídia novamente porque eu só acredito vendo esse pagamento, porque já fazem dois anos que nós estamos esperando esse dinheiro. Não é nem pra mim, é pra nossa filha”, argumentou Renata.

Em seguida, a participante do Big Brother Brasil 12 expôs o áudio de uma conversa no telefone com uma mulher –que teve sua identidade preservada– em que ela avisa Renata que Guimarães não iria realizar mais nenhum pagamento para suprir as despesas dela e da filha deles.

“Ele enche a boca pra falar que eu sou mau-caráter. Eu sou mau-caráter por quê? Por que eu luto pelos direitos da minha filha? Por que eu me defendo das agressões dele? Mau-caráter pra mim é quem deixa de dar suporte pra uma criança mesmo podendo dar. Isso pra mim que é mau-caráter. Esse tipo de atitude. Mau-caráter é quem ameaça, quem ofende, é exatamente isso”, definiu.

Luz cancelada

“A única coisa que ele de fato pagava e continuou pagando: a conta de luz e a internet da casa. Nesses últimos dias, comecei a reparar que a internet estava ruim e eu procurei saber o que estava acontecendo. E aí eu tive essa resposta”, introduziu a loira, expondo mais um áudio.

“Então, Renata, eu falei com o Humberto, e ele me disse que pediu o cancelamento da internet e o cancelamento da luz. Porque parece que você vai ficar aí no apartamento e que você pode arcar com essas despesas a partir de agora”, diz a suposta secretária do empresário.

“Por conta dessa resposta eu descobri que a luz da residência também tinha sido cancelada. Já havia sido cancelada há dois meses. Ou seja, em qualquer momento eu podia chegar em casa e poderia dar de cara com a geladeira desligada e sem luz, um lugar totalmente inapropriado para morar com uma criança”, lamentou a ex-BBB, sem deixar claro se houve realmente o corte.

Na sequência do vídeo, é mostrada uma reportagem do Domingo Espetacular, da Record, em que são expostos áudios de Humberto Guimarães ameaçando Renata.

“Você vai pagar caro, você quis brigar comigo. Se os seus advogados estão a fim de ir pra porrada, a gente vai pra porrada até a morte! Eu vou lutar até a última gota de sangue. Eu tenho ódio de você. Quem me dá uma facada nas costas vai ter só o meu desprezo, se não tiver a morte”, diz o empresário.

Fernando Ramos, um dos advogados de Renata D’Ávila, confirmou ao Notícias da TV que os mandados de prisão do ex-marido de sua cliente não estão sendo cumpridos devido à pandemia da Covid-19 e que está correndo o prazo para ele recorrer dessa decisão.

“No processo consta que ele pode pagar pensão da filha, mas ele não quer. Não tem como a Renata sair do apartamento se ele não pagar a pensão. Pela lei, a filha tem que viver dentro do padrão de vida do pai, independente da condição financeira da mãe”, explicou Ramos.

Um dos representantes legais de Humberto Pentagna Guimarães, José Maurício Sollero Filho também foi procurado pela reportagem e apenas afirmou que não vão se pronunciar sobre o assunto por enquanto.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.