BUSCAR
BUSCAR
Risco
Servidores do Hospital João Machado denunciam falta de segurança na unidade
De acordo com sindicato, plantonistas foram surpreendidos por uma paciente em surto psicótico e precisaram acionar a polícia para contê-la
Redação
10/01/2020 | 14:34

Servidores do Hospital João Machado, em Natal, vivem uma rotina de agressões e ameaças, de acordo com o Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Rio Grande do Norte (Sindsaúde-RN). O João Machado é o maior hospital de psiquiatria do Estado.

De acordo com o Sindicato, os servidores do plantão noturno, foram surpreendidos nesta terça-feira, 7, com uma paciente em surto psicótico. Ela teria quebrado televisões, agredido outra paciente e jogado documentos e prontuários no chão. Sem conseguir contê-la, os profissionais acionaram a Polícia.

O Sindsaúde denuncia ainda que, por falta de segurança no hospital – cada plantão conta somente com um vigilante – os servidores trabalham amedrontados.

Mas não é apenas a falta de segurança que aflige os servidores, segundo o Sindicato. A estrutura do hospital está comprometida. O Sindsaúde informou que em 2018, o Ministério Público do Estado expediu recomendações de adequação e correção da estrutura. No entanto, afirma o Sindicato, a unidade continua com diversos problemas.

Av. Hermes da Fonseca, N° 384 - Petrópolis, Natal/RN - CEP: 59020-000
Redação: (84) 3027-1690
[email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.