BUSCAR
BUSCAR
Hospital psiquiátrico
João Machado “é uma Unidade de Saúde, não Unidade de Segurança”, diz Sesap
Em nota, Secretaria de Saúde Pública do RN realizou esclarecimentos sobre denúncia feita por servidores do Hospital João Machado, após surto de paciente
Ana Lourdes Bal
10/01/2020 | 14:58

Após uma denúncia realizada por servidores do Hospital João Machado, pela falta de segurança no local após o surto psicótico de uma paciente na última terça-feira (7), a Secretaria do Estado de Saúde Pública (Sesap) se posicionou, via nota, explicando que, embora haja vigilantes 24h, os postos internos não possuem equipamentos para lidar com pessoas armadas, pois o hospital “é uma Unidade de Saúde, não Unidade de Segurança”.

O João Machado é o maior hospital psiquiátrico do Rio Grande do Norte e a rotina de agressões continua a se repetir. Segundo informações do Sindicato dos Trabalhadores do RN (Sindsaúde-RN), no caso, os servidores que estavam no plantão noturno foram surpreendidos no meio do jantar com o surto psicótico de uma paciente internada. Ela chegou a quebrar duas televisões, jogou documentos no chão e agrediu uma outra paciente, além de ameaçar os servidores de morte. Os servidores precisaram acionar a Polícia para contê-la.

Ainda em nota, a Sesap afirmou que reconhece a necessidade da ampliação de segurança e vigilância no João Machado. “O hospital possui um plano de segurança a ser executado em 2020, incluindo o aumento de controle de fluxo, câmeras e qualificação dos profissionais de segurança”, diz a nota.

Av. Hermes da Fonseca, N° 384 - Petrópolis, Natal/RN - CEP: 59020-000
Redação: (84) 3027-1690
[email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.