BUSCAR
BUSCAR
Estrutura inovadora em madeira é desenvolvida na UFRN
Montada no estacionamento do Núcleo Tecnológico da UFRN, a Gridshell Dunas segue o modelo de casca reticulada, comumente utilizada na Itália e na Espanha
Redação
12/11/2018 | 15:03

Uma estrutura inovadora com estética contemporânea, assim é a Gridshell Dunas, uma construção desenvolvida no Laboratório de Estudos da Madeira (LABEM) da Universidade Federal do RIo Grande do Norte (UFRN) que utiliza a madeira pinus e parafusos rosqueados em seu método construtivo. Gridshell Dunas é considerada a primeira iniciativa do modelo para pesquisa no Nordeste brasileiro.

Desenvolvida no âmbito de mestrado da aluna Isabela Souza, junto ao Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil com foco em Materiais e Processos Construtivos, o projeto tem orientação da professora Edna Moura Pinto e co-orientação do professor Alfredo Manuel Dias (Universidade de Coimbra/Portugal).

Montada no estacionamento do Núcleo Tecnológico da UFRN, ao lado do LABEM, a Gridshell Dunas segue o modelo de casca reticulada, comumente utilizada na Itália e na Espanha. “Essas estruturas podem ser projetadas em diferentes materiais, e aqui escolhemos a madeira. As principais características do método dizem respeito a ausência de necessidade do uso de pilares intermediários e o baixo consumo de material em relação a superfície de cobertura da estrutura. Por esse motivo o método se adequa satisfatoriamente a construção de ambientes de convivência, por exemplo, como pavilhões de feiras”, explica a professora Edna Moura Pinto.

“A materialização dessa pesquisa envolveu o apoio de diferentes agentes e a participação dos alunos da pós graduação da Engenharia civil, graduação em Arquitetura, o Centro de Tecnologia, Superintendência de Infraestrutura, Laboratório de Estudos da Madeira/ UFRN, a Escola Agrícola de Jundiaí, bem como o envolvimento da iniciativa privada e terceiro setor, parceiros tais como o Estúdio Oito Engenharia

e o Instituto de Inovação e Sustentabilidade”, comenta a mestranda Isabela Souza.

A Gridshell Dunas vem sendo planejada desde 2017. Foram feitas pesquisas, desenvolvimento de estrutura virtual em autocad e maquete até chegar à etapa de construção da grid, que cobre uma área de 20 metros quadrados.

Em fala, o Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil, Fagner Alexandre Nunes de França, destaca o quanto o trabalho desenvolvido representa inovação. “É muito pertinente e interessante o trabalho desenvolvido com a Dunas Shell no Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil. É algo que não se tem em Natal, que poderia ser muito bem aplicada em restaurantes da cidade sem muito custo para o investidor”.

Para o Prof. João Inácio da Silva Filho, vice-diretor interino da Escola Agrícola de Jundiaí, colaborar com o projeto é motivo de muita felicidade. É muito bom ver a universidade desenvolvendo projetos inovadores para o estado unindo o terceiro setor e a academia. Temos vários departamentos unidos no desenvolvimento deste projeto que é o primeiro do nordeste. Esta inovação deve ser valorizada e incentivada para sua ampliação”, aponta o Prof. João Inácio da Silva Filho.

Em nova etapa do projeto, a estrutura montada na UFRN receberá uma fundação com eucalipto para ser estruturada uma área de convivência que vai contar com jardineiras. Será uma área de convivência e visitação para outras universidades que tenham interesse em pesquisar o método.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.