BUSCAR
BUSCAR
Mudou a data
Bolsonaro altera exoneração de Abraham Weintraub do MEC
Decreto diz que ex-ministro foi exonerado um dia antes de chegar aos Estados Unidos; MP pediu para investigar eventual atuação do Itamaraty na ida dele para Miami
G1
23/06/2020 | 07:58

Um decreto do presidente Jair Bolsonaro publicado no “Diário Oficial da União” desta terça-feira (23) alterou o despacho de exoneração de Abraham Weintraub do cargo de ministro da Educação para dizer que a saída do ministro ocorreu na sexta-feira (19), um dia antes de ele chegar aos Estados Unidos.

A exoneração de Weintraub havia sido publicada no sábado (20), quando ele já se encontrava em Miami.

O decreto de Bolsonaro foi publicado um dia depois de o Ministério Público pedir que o Tribunal de Contas da União (TCU) apure a eventual atuação do Itamaraty na ida de Weintraub – que é investigado em dois inquéritos no Supremo Tribunal Federal (STF) – para os Estados Unidos.

Como ao desembarcar em Miami Weintraub ainda não havia sido exonerado, ele pode ter se valido da condição de ministro para obter um visto especial que autoriza entrada imediada nos EUA, sem necessidade de fazer a quarentena que está sendo exigida dos brasileiros.

Weintraub é investigado no STF por ofensas aos ministros da Corte e também por racismo contra a população chinesa.

O vídeo abaixo explica que, dentre as exceções do decreto norte-americano sobre quarentena para a entrada de brasileiros nos Estados Unidos, estão ministros de Estado.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.