BUSCAR
BUSCAR
Parnamirim
Wolney França: “Desde o início, damos prioridade ao tema Covid”
Presidente da Câmara do terceiro principal município do Rio Grande do Norte enxerga falta de alinhamento do governo do Estado com o governo federal, na questão do enfrentamento da pandemia da Covid-19, mas caracteriza as dificuldades como “dentro da normalidade” e tem como objetivo em sua gestão a implantação da TV Câmara
Redação
21/05/2021 | 09:52

Novo na política, Wolney França foi eleito como um dos presidentes mais jovens das câmaras municipais do Estado, na atual legislatura. Após ocupar cargos como diretor do Procon Municipal, chefia de gabinete da prefeitura, o advogado de 39 anos se filiou ao Partido Social Cristão (PSC), um ano antes das eleições de 2020, e se elegeu como o mais votado de Parnamirim, com 2830 votos. Ele atribuiu seu sucesso na primeira campanha ao trabalho que vem desenvolvendo no período em que atuou no serviço público.

“Dos 18 vereadores da Casa, todos já me conheciam. Nossa eleição para presidência, acredito que somou a questão dos votos da população com o reconhecimento do trabalho que fazia nos bastidores da política. Aliada à confiança, minha relação próxima com o prefeito também ajudou”, analisa.

Em seus primeiros meses como vereador e presidente, ele conseguiu criar uma boa sintonia do legislativo com o executivo; dos 18 vereadores, 16 são da bancada de situação.

“Temos dois vereadores na oposição, porém, dentro da casa não há oposição, todos participam de tudo. São universos diferentes, não é? Uma coisa é a relação no parlamento, outra coisa é a prefeitura, a oposição é ao prefeito. Como presidente, trato todo mundo igual. Com isso, não temos dificuldades de relacionamento”, disse Wolney.

De acordo com o parlamentar, a cidade nunca elegeu um vereador de esquerda, embora para ele isso não intervenha na relação. O presidente da Câmara Municipal de Parnamirim avalia as ações do legislativo no contexto da pandemia:

“Nossa avaliação é bem positiva. Como gestor, estamos fazendo uma administração diferenciada em função de todo o contexto da situação atual, não está fácil para ninguém. Quando se fala em recursos públicos, nesse momento é complicado, principalmente pela queda de receitas dos municípios. Desde que assumimos, estamos implantando alguns mecanismos de redução de despesas, para exatamente ajustar as contas”.

Atualmente, as sessões acontecem duas vezes por semana, de forma remota. O acesso de populares está restrito, em função da pandemia. O presidente Wolney França destaca que nesse período as pautas foram em sua maioria destinadas à questão da Covid. “Desde o início dessa legislatura, que se iniciou na pandemia, temos dado prioridade ao tema Covid. Em relação a projetos, requerimentos, indicações, estamos priorizando e fazendo uma parceria com o executivo. Por exemplo, a Câmara tem alguns carros que cedemos para a Secretaria da Saúde para auxiliar nos transportes que forem necessários nesse contexto da Covid. Temos que nos dar as mãos”, disse.

“Eu vejo uma dificuldade do governo do Estado, assim como das prefeituras, na questão das vacinas. Não tem um alinhamento com o governo federal. Isso dificulta, porém, são dificuldades dentro da normalidade. Nossa Casa está de parabéns porque no ano com uma pandemia, apesar de muitas restrições, nossos servidores trabalhando em regime de escala, nos estamos dando conta. Pretendemos instalar a TV Câmara aqui, fazer cursos de capacitação. Hoje, temos uma relação bastante próxima e positiva com a população de Parnamirim, isso contribui para o sucesso do nosso trabalho”, explica.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.