BUSCAR
BUSCAR
Luto
Quino, o cartunista criador de Mafalda, morre aos 88 anos
Quino desenvolveu as aventuras de sua personagem mais popular entre 1964 e 1973, embora as histórias da icônica menina venham sendo publicadas em todo o mundo até hoje
Estadão
30/09/2020 | 13:34

O cartunista argentino Joaquín Salvador Lavado, conhecido como Quino, e popular por ser o criador de Mafalda, morreu  nesta quarta-feira, 30, em Mendonza, sua cidade natal, aos 88 anos, confirmaram a EFE fontes próximas ao artista.

Filho de espanhóis e possuidor de honrarias como o Prêmio Príncipe de Astúrias de Comunicação e Humanidades e a Medalha da Ordem e Letras da França, Quino desenvolveu as aventuras de sua personagem mais popular entre 1964 e 1973, embora as histórias da icônica menina venham sendo publicadas em todo o mundo até hoje.

Há alguns anos, o autor, que havia se mudado de Buenos Aires para Mendonza no fim de 2017 após ficar viúvo, sofria problemas de saúde, embora tenha continuado a participar de várias homenagens à sua obra.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.