BUSCAR
BUSCAR
Economia
Preço do litro de leite pago ao produtor é recorde no Brasil
Preço médio do litro de leite UHT pago aos produtores foi de R$ 2,2104, o maior da série histórica, iniciada em 2004

07/04/2022 | 20:30

O preço médio do leite UHT pago aos produtores bateu recorde neste ano. Segundo dados do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), em março, o preço médio do litro do produto foi de R$ 2,2104 — o maior para o mês na série histórica da instituição, iniciada em 2004. As informações são do Metrópoles.

Esse valor supera em 4,1% o registrado no mesmo período do ano passado. A valorização do leite no campo ocorre sobretudo em função do aumento dos custos de produção, que limitam os investimentos na atividade e, com isso, o potencial de oferta.

O Índice de Captação Leiteira (ICAP-L) do Cepea refletiu esse cenário de oferta limitada e registrou queda de 0,63% de janeiro para fevereiro. É importante frisar que, apesar do preço do leite avançar, isso não significa lucro para o produtor.

Durante fevereiro, as indústrias de laticínios enfrentaram uma competição para garantir o abastecimento de matéria-prima, fator que elevou os preços do leite ao produtor. Com estoques reduzidos, os laticínios intensificaram a compra de leite entre indústrias, visando evitar capacidade ociosa de suas plantas processadoras.

Em Minas Gerais, o preço médio saltou de R$ 2,13/litro na primeira quinzena para R$ 2,42/litro na segunda quinzena de fevereiro, alta de 13,9%, segundo pesquisa do Cepea.

Já o valor médio do leite UHT recebido pelas indústrias de laticínios nas negociações com canais de distribuição do estado de São Paulo aumentou 5,8% de janeiro para fevereiro, em termos reais, chegando a R$ 3,40/litro. O valor é 8% maior que o registrado no mesmo período do ano passado.

 

Sede: Rua dos Caicós, 2305-D, Nossa Sra. de Nazaré. Natal/RN | CEP: 59060-700
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.