BUSCAR
BUSCAR
UFC
McGregor e Werdum se xingam e discutem nas redes sociais: ‘Alcoólatra e cheirador!’
Discussão começou após o irlandês cobrar exames antidoping no Bellator. Aparentemente, Werdum se confundiu achando que a foto no tweet se referia a Cris Cyborg, brasileira campeã da organização, e xingou McGregor
ESPN
24/10/2020 | 09:41

Dois ex-campeões do UFC, Conor McGregor e Fabrício Werdum discutiram, com direito a xingamentos, no Twitter na noite desta sexta-feira, 23.

A discussão começou após o irlandês cobrar exames antidoping no Bellator. Aparentemente, Werdum se confundiu achando que a foto no tweet se referia a Cris Cyborg, brasileira campeã da organização, e xingou McGregor.

“É maluquice pensar que o Bellator ainda não tem testagem de exame antidoping. Já passou do tempo da organização adotar um sistema de testagem respeitável para manter os atletas limpos e seguros”, postou McGregor.

“Perdedores sempre tentarão arrumar desculpas. Campeões trabalham duro e não se distraem com antis. Cris Cyborg é uma lenda viva. McGregor é filho da p***”, rebateu Werdum, marcando uma conta que não é a oficial de Cyborg.

“Oi? Eu nem mencionei Cris. Não tem nada a ver com ela. É um pedido à organização, como uma de alto nível, para aumentar o programa de testagem antidoping. Já que atualmente não existe. Esse é um negócio perigoso e não pegar firme com isso é errado”, disse o irlandês.

“Na verdade, espera. Você não está banido por doping agora? E teve sua punição reduzida por dedurar outras pessoas? E você não assinou com a organização que eu estou me referindo? Uau. Cara, vai se f***. Meu Deus, que negócio é esse”, completou McGregor.

Werdum chegou a ser suspenso por dois anos em 2018 por violar as regras da USADA (Agência antidoping dos EUA). Ele teve sua pena reduzida para 10 meses e voltou ao UFC neste ano para fazer suas duas últimas lutas pelo Ultimate.

Ainda sem anunciar o futuro, o brasileiro já revelou que o Bellator era uma possibilidade.

“Scarface. As quantidades de cocaína que você usou nunca apareceram. Você foi preso por aparecer nu num pub e você é um estuprador. Um cheirador e alcóolatra nunca deveria se preocupar com testagem”, rebateu o brasileiro.

McGregor já chegou a ser acusado de estupro uma vez. Ele está sendo investigado por outro incidente desta natureza pelas autoridades irlandesas.

O lutador também já foi preso em 2019 nos EUA por destruir o celular de uma pessoa e em setembro desse ano foi novamente levado para a cadeia por uma suposta tentativa de abuso sexual.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.