BUSCAR
BUSCAR
Decisão
Justiça devolve posse do Estádio Juvenal Lamartine para o Governo do RN
Sentença decorre de uma ação de reintegração de posse do imóvel aberta pelo governo estadual contra contra a Federação Norte-rio-grandense de Futebol
Redação
30/09/2020 | 10:25

O juiz Bruno Montenegro Ribeiro Dantas, da 3ª Vara da Fazenda Pública da Comarca de Natal, decidiu nesta quarta-feira 30 devolver a posse do Estádio Juvenal Lamartine para o Governo do Rio Grande do Norte. Com a medida, a Federação Norte-rio-grandense de Futebol (FNF) terá de desocupar as dependências do espaço em um prazo de 10 dias.

A sentença decorre de uma ação de reintegração de posse do imóvel aberta pelo governo estadual contra a FNF. O processo judicial sobre a posse do espaço, localizado no bairro do Tirol, na Zona Leste de Natal, já se arrasta desde 2015.

A FNF alega ser a proprietária do imóvel, pois está à frente da administração da praça esportiva desde 1929 — quando a entidade era nominada de Liga de Desportos Terrestres do Estado do Rio Grande do Norte. A federação apresentou autos à escritura pública e a certidão imobiliária do espaço que após a aquisição.

O juiz Bruno Montenegro Ribeiro Dantas apontou que a permissão de uso do Estádio Juvenal Lamartine não fora estipulado prazo, restando a resolução da avença condicionada ao interesse da Administração Estadual. Ele ressaltou que não foi apresentado elemento probatório capaz de infirmar a validade da escritura pública da FNF.

“Acrescendo que, embora não se discuta o domínio no âmbito das ações possessórias, a documentação acostada constitui indícios, ainda mais significativos, da posição de possuidor indireto ocupada pelo Estado do Rio Grande do Norte, o que afasta qualquer juízo de proibição que se possa pretender levar a cabo quanto ao manejo da via processual em comento”, detalhou juiz.

Com a sentença, a Federação Norte-rio-grandense de Futebol terá desocupar as dependências do espaço em um prazo de 10 dias, a contar do trânsito em julgado da presente decisão. Caso não cumpra, o juiz estipulou multa diária de R$ 10 mil.

O presidente da Federação Norte-rio-grandense de Futebol, José Vanildo, disse ao Agora RN que ainda não tomou conhecimento da decisão judicial. Segundo ele, a entidade vai recorrer da sentença que determinou a desocupação de posse.

“Vamos recorrer, sim. O Juvenal Lamartine é um patrimônio tombado. Além disso, o espaço segue prestando um serviço importante para o futebol potiguar. É o estádio de futebol mais utilizado no Rio Grande do Norte”, disse.

Segundo ele, a estrutura recebe partidas de torneios de futebol amador, das categorias de base e da Segunda Divisão do Campeonato Potiguar.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.