BUSCAR
BUSCAR
Mundo
Idoso salva homem de afogamento duas vezes e depois o mata com um tiro no peito: “Isso é louco”
Segundo autoridades americanas, Nathan Morgan ficou agitado e agrediu o idoso assim que subiu no barco, e acabou morto
R7
22/03/2022 | 17:51

Um crime extremamente bizarro deixou muita gente nos Estados Unidos com uma pulga atrás da orelha. Um velejador de 74 anos salvou um homem duas vezes do afogamento e depois o matou com um tiro.

A estranha ocorrência foi registrada no lago Keowee, em Salem, na Carolina do Sul. Nathan Drew Morgan, de 29 anos, caiu sem colete salva-vidas de um jet ski. Ele só se salvou após ser resgatado pelo idoso, que velejava com a mulher — eles precisaram de duas tentativas para retirar Nathan da água.

Uma vez a bordo, porém, Nathan começou a ficar agitado e chegou a ameaçar e agredir os donos do barco. Assustado, o idoso terminou atirando no peito de Nathan, que acabou morrendo.

Leia também
Menina tem olho mordido por rato enquanto dormia: “Quase morri”
Universal é condenada a devolver R$ 204 mil a fiel por “lugar no céu”

Em um depoimento posterior, o idoso afirmou que temia “pela vida dele e de sua esposa enquanto era agredido”.

Os promotores locais anunciaram que não acusarão o idoso de nenhum crime, por entender que o tiro foi disparado em legítima defesa.

No entanto, o caso provavelmente não será totalmente esclarecido. Um comunicado da polícia disse Nathan poderia estar embriagado ou “queria voltar para o jet ski”.

“Isso é louco. Definitivamente inesperado aqui, com certeza”, disse Brandon Thomas, um morador local, em depoimento à rede WSPA-TV.

Sede: Rua dos Caicós, 2305-D, Nossa Sra. de Nazaré. Natal/RN | CEP: 59060-700
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.