BUSCAR
BUSCAR
Educação Superior
Fundador da UnP elogia Ânima, grupo que comprou a Rede Laureate
“Ganhou a Universidade Potiguar, que voltará a ter um ambiente bem mais humano”, avaliou o mpresário Paulo de Paula, ao ser questionado sobre o que achou do desfecho da negociação
Redação
04/11/2020 | 05:34

O fundador da Universidade Potiguar, empresário Paulo de Paula, comemorou nesta terça-feira 3 a aquisição das operações no Brasil da Rede Laureate pela Grupo Ânimal. A instituição de ensino potiguar faz parte dos ativos envolvidos no negócio.

“A concorrência foi limpa e legal e venceu dentro do protocolo a melhor proposta que foi da Ânima”, afirmou de Paula, rasgando elogios ao grupo vencedor, segundo ele, “formado por educadores, meu amigos pessoais, pelos quais tenho o maior respeito”.

E finalizou: “Ganhou a UnP, que voltará a ter um ambiente bem mais humano”.

A Ânima Educação, grupo paulista fundado em 2003 e presidido por Marcelo Battistella Bueno, dona da Universidade São Judas, UniBH e UniSociesc, pagará pelos ativos da Laureate no Brasil, entre eles a UnP, R$ 4,4 bilhões, sendo quase R$ 3,8 bilhões à vista.

Isso, depois de a aquisição quase ir às barras dos tribunais com a Ser Educacional, do empresário pernambucano Janguiê Diniz, detentor dos direitos iniciais de compra. Agora, ele poderá receber a bolada de R$ 180 milhões por quebra do contrato inicial de venda.

A Laureate optou pela oferta da Ânima para receber uma fatia maior em dinheiro e conseguir deixar rapidamente do Brasil, atendendo à vontade de seus acionistas.

Para conseguir o desfecho do impasse, a Ânima concordou em vender 100% do capital da FMU (Faculdades Metropolitanas Unidas) ao fundo de private equity (que compra participações em empresas) Farallon, por R$ 500 milhões. Esse acordo deve facilitar a aprovação do negócio pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

Uma das principais razões para a disputa pelos ativos da Laureate foi o número proporcionalmente alto de alunos de medicina, que pagam valores mais altos de mensalidade.

No total, são mais de 16,2 mil estudantes desse curso. Isso, disse a Ânima em fato relevante enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), fará da empresa um grupo “mais destacado” neste segmento disputado.
Apesar de ter perdido a FMU, a Ânima informou que vai manter duas das outras marcas que pertenciam à Laureate: Anhembi Morumbi e São Judas, que são bastante conhecidas no mercado paulista.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.