BUSCAR
BUSCAR
Filme
Disney desiste de lançar “Mulan” nos cinemas brasileiros; filme irá estrear no Disney+
Mulan, adaptação em live action (com atores) do conto clássico chinês, que ganhou versão em animação em 1998, estava marcada para estrear em março. Por conta da pandemia de Covid-19, porém, teve seu lançamento adiado por três vezes até ficar sem data fixa para estreia
O Povo
10/10/2020 | 09:54

A Disney decidiu, nesta sexta-feira, 9, que o filme “Mulan”, não terá estreia nos cinemas do Brasil. No País, a produção irá ser lançada diretamente na plataforma de streaming Disney+, em 4 de dezembro. O filme, uma das apostas para a retomada da economia da Sétima Arte, também teve sua estreia nos Estados Unidos na internet, em 4 de setembro deste ano.

Mulan, adaptação em live action (com atores) do conto clássico chinês, que ganhou versão em animação em 1998, estava marcada para estrear em março. Por conta da pandemia de Covid-19, porém, teve seu lançamento adiado por três vezes até ficar sem data fixa para estreia. As informações são da Veja.

Na China, o filme teve estreia nos cinemas e arrecadou 23 milhões de dólares no primeiro final de semana em cartaz. Com o orçamento de US$ 200 milhões, a abertura no mercado asiático foi considerada modesta demais.

A animação original do filme foi lançada em 1998 e traz a história da heroína chinesa que se disfarça de homem para servir o exército chinês no lugar de seu pai, já cansado e idoso. Lá, passa por treinamentos rígidos e torna-se protagonista nas batalhas contra os hunos.

A Disney+, nova plataforma de distribuição de filmes e séries da gigante do entretenimento, deve chegar ao Brasil em 17 de novembro, enquanto a produção deve estar disponível para streaming a partir de 4 de dezembro.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.