BUSCAR
BUSCAR
Novas Possibilidades
Crianças na cozinha: aprendizado e diversão em família
Casa Escola estimula participação da família na preparação de receitas com os alunos, que além das delícias, estimula o fortalecimento dos vínculos
Redação
29/09/2020 | 14:51

A relação cozinha versus crianças é sempre repleta de muita curiosidade, mas também exige atenção. É bem verdade que os equipamentos deste ambiente da casa apresentam muitos riscos para a criançada. Contudo, é um dos locais com grandes possibilidades de aprendizado. Afinal, diversas áreas de conhecimento são exploradas enquanto preparamos uma refeição, além do exercício de parceria e diversão entre a família.

Com essas possibilidades em foco, a turma do G5 do Instituto Educacional Casa Escola incorporou à programação das aulas remotas o momento da culinária, comum nas aulas presenciais. A ideia partiu dos exercícios com experiências científicas que o grupo – com idade entre 5 e 6 anos – já vinha trabalhando, observando a relação de alguns componentes químicos que existem na maioria das casas, como o vinagre, bicarbonato de sódio, vela, bexigas, entre outros.

Entre muitas atividades voltadas a experimentos e combinações de diversos materiais, permitindo que as crianças expressem seus direitos de brincar, explorar e de se expressar, a culinária também faz parte das atividades propostas. Observando a relação de alguns componentes, misturas, ingredientes e descobrindo novos sabores, os alunos fazem a culinária juntos, colocando a mão na massa. ⁣Tudo feito ao vivo, trabalhando questões como números, pequenas quantidades, noções de pesos e medidas.

“Neste sentido, investimos nas receitas culinárias, observando as misturas dos mais diversos ingredientes e descobrindo novos sabores. Também foi uma estratégia para envolver as crianças no ensino remoto. Pois, neste momento da culinária vivenciamos a prática e realizamos as experiências juntos, ao mesmo tempo”, relata a professora da turma Crislianne Belchior.

No período junino, o bolo de milho foi o rei das aulas, mas também já teve bolo de chocolate, biscoitos de maisena, patê de grão-de-bico, entre outras delícias. “Durante o manuseio dos ingredientes conseguimos trabalhar noções de quantidade, peso, medida, entre outros aprendizados”, acrescenta a professora.

Para Joema Garcia, mãe do Bento, 5 anos, as aulas de culinária nessa época de isolamento foram momentos de descontração e proximidade. “É uma aula em que Bento se sente muito estimulado a participar. Ele adora! Nós não costumávamos fazer receitas juntos em casa. Era raro. Mas com a orientação e a participação dos colegas, ficou fácil aderir. Fazer algo diferente da rotina, mas simples e gostoso é muito bom e nos ajuda a ter um momento nosso de descontração, relaxamento e proximidade”, expõe Joema.

O cuidado com o que se coloca à mesa dos seus estudantes tem sido, desde sempre, uma constante na rotina da equipe pedagógica da Casa Escola. Por isso, o envolvimento dos alunos nas questões da alimentação vai muito além dos conhecimentos teóricos estudados em sala. “Além do aprendizado e diversão, estar com as crianças no ambiente do preparo dos alimentos pode proporcionar à família como um todo, a construção de uma relação saudável entre elas e as comidas”, relata Priscila Griner, diretora da Casa Escola.

Essas experiências culinárias entre os alunos e suas famílias deram origem ao “Livro de Receitas da Família Casa Escola”. Em atividades práticas, cada família elaborou e proporcionou a degustação em turma de suas receitas preferidas. O livro impresso foi distribuído entre a comunidade escolar e está disponível por meio de um E-book digital que pode ser acessado através deste link: https://cutt.ly/Rf0Bmgn

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.