BUSCAR
BUSCAR
Declaração
Apresentadora da Band critica show de Safadão: “Cabeça de vento”
Cátia Fonseca ainda disse que "a culpa é um pouco de quem faz, mas a culpa maior é de quem escolhe"
Na Telinha/UOL
22/11/2020 | 12:10

Cátia Fonseca não gostou nem um pouco ao saber do show de Wesley Safadão. A apresentadora desabafou na última quarta-feira 18 no programa da Band Melhor da Tarde e criticou a decisão do cantor em fazer apresentação neste sábado 21 em Natal. Ela relembrou que aceitou voltar a trabalhar nos estúdios da emissora apenas com a certeza da segurança do protocolo e que tem evitado se encontrar com a família.

“Ah, gente, pelo amor de Deus! Tem cabeça de vento? Como vai falar que quatro mil pessoas é um show pequeno? Não é pequeno! Vai comparar com praia? Você já viu alguém no show ficar cantando duas horas de máscara? A gente baba na máscara e máscara molhada precisa ser trocada. Quem vai trocar a máscara?”, indagou.

Cátia criticou quem vai ao show e disse que é preciso ter bom senso. “A culpa é um pouco de quem faz, mas a culpa maior é de quem escolhe. Por que a gente pode falar assim: ‘Tem uma forca, quem vai querer se enforcar?’. Vai querer se enforcar quem quer. O que me deixa abismada é que as pessoas não se conscientizam de algo tão simples. Não precisa ser agora”, declarou.

“A questão é bom senso. Muita gente diz que tá liberado. Tá bom, tá liberado você pular da ponte. Tá proibido? Tem alguma lei? Vai lá e pula da ponte, já que é liberado. Muitos absurdos estão liberados, mas tem suas consequências. Então você vai fazer? Se dependesse de mim, não teria show dele de jeito nenhum, porque eu só saio pros lugares quando tenho certeza da minha segurança. Mas dizem que a gente é mala”, acrescentou.

No começo da pandemia, Cátia fez o Melhor da Tarde da sua casa. Contudo, com a diminuição de casos no Brasil, a apresentadora voltou aos estúdios da Band. A apresentadora explicou que só aceitou retornar para a emissora com a certeza que teria segurança para que tivesse o menor risco possível de ser contaminada pela doença.

“A gente aqui não fez um acordo? Quando a gente voltou aqui, o que a gente conversou e a gente combinou? Quem vai ficar sem máscara? Vamos ficar nós todos pra garantir um programa legal. Vamos juntos? Nós vamos nos cuidar pela gente e pelos os outros? Vamos se cuidar pela gente e pelos meninos também. Eles estão de máscara. Qual o suporte médico da emissora? Total! Qual o suporte da emissora inteira? Quer ver? Todo mundo aqui de máscara. Todo lugar que você vai aqui tem álcool em gel. E tem o pessoal que vem da enfermaria e circula pelos corredores da Band dando instruções”, relatou.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.