BUSCAR
BUSCAR
Entrevista
Anderson Lopes estreia na Câmara com foco na Zona Norte de Natal
Parlamentar, eleito para o primeiro mandato na Câmara Municipal de Natal, promete atuação especial na Zona Norte de Natal, onde nasceu e cresceu. Ele integra bancada parlamentar focada no desenvolvimento da região
Redação
23/02/2021 | 01:52

Anderson Lopes (Solidariedade) é mais um parlamentar da Zona Norte de Natal que chega à Câmara Municipal para a legislatura 2021-2024.
Pela primeira vez, a região mais populosa da capital potiguar será representada por meio de uma bancada específica, da qual Anderson faz parte juntamente com outros seis vereadores. Formado em gestão pública, Anderson afirma que irá trabalhar para buscar melhorias no esporte, lazer, saúde e educação.

O parlamentar promete ainda uma atuação especial na Zona Norte de Natal, onde nasceu e cresceu. Segundo ele, a região “sempre foi deixada de lado pelo poder público”, e justamente por isso necessita de investimentos de forma mais urgente. Uma das prioridades do mandato de Anderson é dar atenção ao lazer e ao esporte nas comunidades como forma de afastar jovens da criminalidade.

Anderson foi eleito para uma das 29 cadeiras de vereador pela primeira vez em 2020, com 2.225 votos. Apesar de novato, ele já atuou como assessor parlamentar na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte e na própria Câmara Municipal de Natal. Em entrevista exclusiva ao Agora RN, Anderson fala sobre as expectativas para o mandato, revisão do Plano Diretor de Natal, mobilidade urbana e projetos para os próximos quatro anos.

AGORA RN – Em campanha, o sr. afirmou que o seu mandato traz uma proposta diferente. Que proposta é essa?
ANDERSON LOPES – Estamos entregando isso desde o primeiro momento em que assumimos o mandato. Nosso mandato é pautado na fiscalização. Já estamos percorrendo várias unidades de saúde, visitamos o Hospital Municipal, Maternidade Leide Morais, Hospital de Campanha, para sentir na pele, chegar mais perto do usuário e sentir o que a gente pode melhorar na saúde pública da nossa cidade. Estamos fazendo relatório com fotos e depoimentos e vamos entregar direto na mão do secretário de Saúde para que, quando a gente vier cobrar melhorias em determinado setor, ele não possa dizer que não tinha conhecimento. Essa é uma das nossas bandeiras. Já começamos a fazer isso nas escolas também.

AGORA RN – O sr. integra a bancada da Zona Norte, que é uma iniciativa em defesa do desenvolvimento da região. Como surgiu essa ideia?
ANDERSON – Sentamos logo após a eleição e decidimos andar de braços dados. Lógico que hoje eu sou vereador de Natal e tenho demandas em toda a cidade, mas nós da bancada moramos na Zona Norte e sabemos que é uma região abandonada pelo poder público. Apesar de ser a zona mais populosa de Natal, sempre foi tratada de uma maneira diferente. Decidimos dar os braços e buscar melhorias para a Zona Norte.

AGORA RN – Além da saúde, quais áreas seu mandato pretende focar?
ANDERSON – Vamos buscar investimentos na educação, no esporte e no lazer. A ideia é fazer com que a Zona Norte viva a Zona Norte. Por exemplo, são poucas as praças que nós temos de qualidade. O morador da Zona Norte não tem onde passar um domingo com a família. A gente está com a Praia da Redinha totalmente abandonada e esperamos que o prefeito possa revitalizar a Redinha o mais rápido possível, assim como o recapeamento da Felizardo Moura, que é a principal porta de saída e entrada da Zona Norte.

AGORA RN – A renovação de quase 50% da Câmara serve como um alerta aos vereadores que foram reeleitos?
ANDERSON – Na campanha, eu dizia que ia chegar à Câmara com gás total e ia encabular os vereadores antigos a trabalharem de forma mais correta. Com as nossas visitas às unidades de saúde, alguns vereadores que não tinham esse hábito passaram a ter. Não tenho nada contra os vereadores reeleitos, muito pelo contrário, sou até amigo pessoal de alguns deles, mas dentro da Câmara a gente precisa que o parlamento seja atuante e fiscalizador.

AGORA RN – O transporte público de Natal vem sofrendo grande estresse, sobretudo na pandemia, com ônibus lotados e frota desgastada. Como está sendo a atuação do seu mandato neste setor?
ANDERSON – Após a leitura da mensagem anual do prefeito, eu fui falar com ele sobre isso porque senti falta do tema na mensagem. Fui cobrar dele um posicionamento sobre a licitação e, segundo ele, a STTU está fazendo um novo levantamento para enviar para a Câmara. A licitação de Natal deu errado por um motivo muito óbvio: foi exigido demais em um curto período. Queriam teto baixo, ar-condicionado, motor na parte de trás e isso de uma hora pra outra é impossível. Simplesmente porque teriam que comprar uma frota totalmente nova. É um absurdo o que acontece nessa cidade e isso impacta muito o usuário, principalmente na pandemia. É necessário que a licitação seja discutida minuciosamente para que não dê deserto novamente.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.