BUSCAR
BUSCAR
Eleições 2020
Juíza proíbe Álvaro Dias de divulgar ações da Prefeitura do Natal em suas redes sociais
Procuradoria Regional Eleitoral acusa o prefeito de fazer propaganda eleitoral antecipada. Segundo a ação, Álvaro Dias tem usado as redes sociais para vincular ações da prefeitura a sua pessoa
Redação
27/07/2020 | 18:01

A juíza Hadja Rayanne de Alencar, da 3ª Zona Eleitoral de Natal, proibiu o prefeito Álvaro Dias de utilizar suas contas pessoais em redes sociais para divulgar ações da Prefeitura do Natal. A decisão, proferida na última sexta-feira (24), é liminar, ou seja, temporária, e vale até o julgamento do mérito da ação, o que não tem data para ocorrer.

A decisão atende a um pedido do Ministério Público. Na representação, a Procuradoria Regional Eleitoral acusa o prefeito de fazer propaganda eleitoral antecipada. Segundo a ação, Álvaro Dias tem usado as redes sociais, na condição de pré-candidato à reeleição, para vincular ações da prefeitura a sua pessoa. “Ou seja, informa a população que ele, prefeito Álvaro Dias, é o autor das ações, quando na realidade se tratam de ações de governo”, afirmou o MP, segundo a transcrição da juíza.

Na avaliação do MP, a forma como o prefeito tem dado publicidade às ações da prefeitura em suas contas pessoais tem a intenção de gerar promoção pessoal e captação do eleitorado, muito antes do início da campanha eleitoral propriamente dita – que só começa na segunda quinzena de setembro.

Segundo a juíza, as postagens do prefeito nas redes sociais podem causar desequilíbrio ao pleito eleitoral. Ao decidir, ela evocou o artigo 73 da Lei 9.504, de 1997, que proíbe pré-candidatos de fazer “uso promocional” da distribuição gratuita de bens e serviços de caráter social custeados ou subvencionados pelo Poder Público.

Caso haja descumprimento da decisão, o prefeito poderá ser punido com multa de R$ 1 mil por dia.

Pela assessoria, o prefeito de Natal informou que não foi notificado da decisão, mas que, assim que for formalmente comunicado, vai recorrer. Álvaro Dias ainda não constituiu advogado no caso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Av. Hermes da Fonseca, N° 384 - Petrópolis, Natal/RN - CEP: 59020-000
Redação: (84) 3027-1690
[email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.