BUSCAR
BUSCAR
Negócios
Fruticultura potiguar conquista mercado chinês e deve gerar 10 mil empregos
Após anos de negociações o setor fechou acordo para abertura do mercado chinês à produção de melão potiguar
Redação
27/10/2019 | 13:34

O Governo do Estado do Rio Grande do Norte adotou nova política de desenvolvimento econômico pautada em aproximação comercial com a China. Após anos de negociações, o setor de fruticultura fechou acordo para abertura do mercado chinês à produção de melão potiguar. A expectativa do setor é de que o potencial do mercado resulte na geração de 10 mil novos empregos diretos no Rio Grande do Norte nos próximos três anos.

O acordo para a exportação foi assinado no país asiático na madrugada da última quarta-feira, 23, após uma série de negociações intensificadas em julho deste ano, quando diplomatas e empresários chineses visitaram as plantações de melão no Oeste Potiguar. A visita foi articulada pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico (Sedec), junto à embaixada chinesa no Recife-PE com o intuito de aproximar as relações em busca de novos negócios.

Os primeiros contêineres com frutas produzidas no RN devem ser enviados à China a partir de fevereiro, consolidando a exportação plena a partir da safra 2020-2021.




Av. Hermes da Fonseca, N° 384 - Petrópolis, Natal/RN - CEP: 59020-000
Redação: (84) 3027-1690
[email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.