BUSCAR
BUSCAR
Pandemia
Sem colo do Papai Noel, shoppings dos EUA preparam Natal com distanciamento social
Nos EUA, algumas administradoras de shopping estão até oferecendo ligações pelo Zoom com o Papai Noel no lugar de visitas pessoais
CNN Brasil
11/10/2020 | 13:00

Embora a pandemia não vá impedir o bom velhinho de aparecer nos shoppings ou, no caso dos EUA, no tradicional desfile do Dia de Ação de Graças da Macy’s em Nova York, não conte com abraços e toques ou em colocar as crianças sentadas no colo dele para a clássica foto de Natal. Nos EUA, algumas administradoras de shopping estão até oferecendo ligações pelo Zoom com o Papai Noel no lugar de visitas pessoais.

A Brookfield Properties, uma subsidiária da Brookfield Asset Management Property Partners (BAM) e a segunda maior administradora de shoppings no país, disse que o Papai Noel estará em 134 de seus mais de 150 shoppings.

“O Papai Noel é uma tradição das festas de final de ano importante para muitas famílias e procuramos transformar essa experiência em nome da segurança”, disse Rocell Viniard, diretora de marketing de portfólio da Brookfield Properties. Segundo a diretora, a ideia é possibilitar uma “experiência sem contato” com o Papai Noel. 

Isso significa não se sentar no colo do Papai Noel, disse Viniard.

O Papai Noel também usará uma máscara nos estados norte-americanos onde seu uso é obrigatório, e os clientes serão obrigados a fazer o mesmo. Em estados sem exigência de máscara, o Papai Noel pode usar uma máscara se quiser. 

A Brookfield disse que não exige que o Papai Noel ou os visitantes de seus shoppings assinem termos de responsabilidade especiais em locais onde as máscaras não são uma exigência local ou estadual. Avisos de distanciamento social mostrarão às pessoas onde se posicionar, e muitos shoppings terão uma decoração especial para manter as pessoas a quase dois metros de distância do Papai Noel.

“Toda visita será sem contato. Assim, as crianças podem sentar-se em pacotes embrulhados perto do Papai Noel ou do outro lado da mesa para conversar com ele. Ainda podemos capturar o momento para fotos de família”.

Em alguns dos shoppings da empresa, o Papai Noel vai aparecer a partir de 20 de novembro e vai cumprimentar famílias sentado dentro de um globo de neve gigante. Em outros locais, ele ficará atrás de uma enorme moldura.

“Imagine um cenário parecido com uma janela de drive-thru”, contou Viniard. “As pessoas poderão subir e conversar com o Papai Noel e, em seguida, fazer uma foto emoldurada”.

Para quem quer não quer ir ao shopping, Viniard disse que a Brookfield também está lançando uma experiência virtual com o Papai Noel, que começa em 1º de novembro. As reservas podem ser feitas pelo site ExperienceJingleRing.com.

A Simon Properties, a maior administradora de shopping centers dos Estados Unidos, disse que o Papai Noel também irá aos seus shoppings este ano, mas não quis dar detalhes.

Papai Noel com zoom e escudo

Com 19 shoppings, a maioria na costa leste dos EUA, a operadora Preit vai colocar o Papai Noel atrás de um escudo de acrílico. Entre os shoppings da Preit estão o Cherry Hill em Nova Jersey e o Willow Grove na Pensilvânia, 

“Teremos uma barreira de acrílico na frente do Papai Noel em cada um de nossos endereços. O espaço terá também um banco na frente para que as crianças possam se sentar e tirar uma foto com ele ao fundo”, detalhou Heather Crowell, porta-voz da Preit.

Outra opção é uma agendar um encontro pelo Zoom com o Papai Noel. “Em vez de fazer uma foto com o Papai Noel, as pessoas podem ficar em casa e gravar a ligação pelo Zoom”, disse ela, acrescentando que tanto a visita pessoal quanto a virtual com o Papai Noel exigirão uma reserva.

Crowell disse que os visitantes dos shoppings Preit são obrigados a usar máscaras, mas as crianças podem remover a máscara para a foto com o Papai Noel e o Papai Noel também pode, “já que ele está atrás do acrílico”.

Nos 43 shoppings operados pela Macerich, o Papai Noel iniciará suas apresentações no final de novembro. A Macerich disse que também implementará protocolos de segurança para visitas ao Papai Noel, incluindo distanciamento social, uso de máscara (se o governo municipal local exigir) e reserva para evitar aglomerações, segundo explicou Kurt Ivey, vice-presidente de marketing da Macerich.

A segurança é fundamental para os Bons Velhinhos que trabalham neste final de ano, de acordo com o diretor de uma escola do Papai Noel.

Rick Rosenthal, conhecido como “Santa Rick”, vive o Papai Noel em shoppings e eventos privados há 50 anos. Ele também é reitor e cofundador da Northern Lights Santa Academy, uma escola de papais noéis em Atlanta que dá treinamentos duas vezes por ano.

Com base em suas conversas com graduados da escola e outros papais noéis em outros lugares, ele acha que mais de 30% dos bons velhinhos que atuaram no ano passado não trabalharão nesta temporada por causa da pandemia.

“Os papais noéis estão normalmente em um mínimo de duas categorias de alto risco para o coronavírus. Geralmente são pessoas com mais de 65 anos e com sobrepeso”, explicou. “Portanto, fazer este trabalho em uma pandemia pode ser fatal”.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.