BUSCAR
BUSCAR
Preservação
“Planta Natal” retoma plantio de árvores nativas na capital potiguar
Projeto iniciado na atual gestão tem como objetivo plantar 20 mil árvores de espécies nativas ao longo de todo o mandato do prefeito Álvaro Dias. Inicitaiva ganha reforço com a entrega do Horto Municipal reformado, responsável pelas mudas. Calendário de plantios foi reiniciado pela recém-restaurada praça Mãe Peregrina, em Cidade Satélite
Redação
05/06/2021 | 11:35

O Plano de Arborização da capital entra em uma nova fase com a retomada do projeto Planta Natal em 2021. Iniciado com o plantio de 2.000 exemplares, entre árvores nativas e aplicação de jardinagem, o projeto tem por objetivo envolver os equipamentos públicos com circulação de pessoas em ambientes arborizados, tornando as áreas mais agradáveis.

A partir da próxima quarta-feira, 9 o projeto ganha reforço na produção de mudas com a entrega do Horto Municipal, que passou por reforma. Criado pela atual gestão da Prefeitura do Natal, o Planta Natal tem como objetivo plantar 20 mil árvores de espécies nativas ao longo de toda a gestão do prefeito Álvaro Dias. O calendário de plantios foi reiniciado há duas semanas, pela recém-restaurada praça Mãe Peregrina, em Cidade Satélite.

A nova Praça das Flores, em Petropólis, terá suas obras de reforma entregues no início da próxima semana também com mudas do projeto, assim como o Horto Municipal. Serão dezenas de árvores nativas como os ipês, conhecidos também como craibeiras, e oitis plantados em toda a extensão da nova praça repaginada pela Prefeitura de Natal. Para o prefeito Álvaro Dias, plantar a quantidade de árvores estabelecida é uma meta que será perseguida.

“É um desafio, mas queremos uma cidade mais aprazível e, além do benefício estético, com maior conforto térmico, estimulando cada vez mais a uso das áreas públicas pela população”, destaca Álvaro. Segundo a coordenadora do projeto Planta Natal, a secretária executiva Danielle Mafra, a retomada do projeto vai permitir a recuperação das áreas quentes da cidade e uma intervenção mais ampla na massa arbórea local.

“O Planta Natal está sendo incrementado com a reforma do Horto Municipal e a compra de novos equipamentos. Também temos um novo estudo sobre áreas quentes da cidade que vem sendo feito pela STTU e que será integrado às ações do programa”, informa Danielle Mafra. Segundo a gestora, além das praças e canteiros centrais, focando num plantio responsável com regularidade, existe o plano de recuperação das áreas verdes das escolas.

Uma novidade dessa etapa do Planta Natal são as mudas identificadas com cartões verificadores de QRcode, com leitura no celular para o aplicativo do Planta Natal — www. plantanatal.com.br É possível conhecer a espécie, a data em que foi plantada e até quem a adotou.

O Planta Natal conta com o envolvimento das Secretarias Municipais de Governo, Comunicação Social, Educação, Meio Ambiente e Urbanismo, Serviços Urbanos, Urbana e UFRN. Dentro da programação oficial da Semana do Meio-Ambiente e com o propósito de ampliar a coleta seletiva na cidade, a Prefeitura vai lançar na próxima terça-feira 8 o Projeto Limpa Natal. O lançamento será feito pelo prefeito Álvaro Dias em evento transmitido online no canal oficial da Prefeitura no YouTube. Inicialmente, a ação será adotada nos órgãos da administração direta e indireta do Município.

O projeto é coordenado pela Companhia de Serviços Urbanos de Natal (Urbana) e também se volta para o estímulo à educação ambiental. Cada Secretaria do Município vai se integrar com uma comissão própria de servidores, para que estes façam a análise de desempenho do projeto, acompanhando a evolução e identificando problemas. Os dados coletados serão base para a implantação de coleta seletiva em cada Secretaria. Em uma fase posterior, o Limpa Natal será expandido para a população.

“Com o projeto Limpa Natal, o Município cumpre seu papel educativo e ainda incentiva a adoção de práticas sustentáveis. As mudanças que queremos ver em nossa cidade começam com as escolhas que fazemos em nosso dia a dia. A Prefeitura está fazendo sua parte e convidamos a todos os natalenses a também participarem dessa ação”, afirma a gerente de Meio-Ambiente e Educação Ambiental da Urbana, Ana Patrícia Sousa e Silva. Neste primeiro momento, o Projeto Limpa Natal focará nos objetos eletroeletrônicos inservíveis, com parceria com diversas secretarias e cooperação técnica das empresas Natal Reciclagem e Circular Brain.

Está prevista a instalação de 25 pontos de descarte voluntário até o final do ano em Natal. O primeiro ponto de descarte voluntário – coletor – será instalado no próprio Palácio Felipe Camarão, sede da Prefeitura do Natal. A manutenção será periódica, além da disponibilização do serviço “Ecozap”, em que, através do número (84) 99966-4010, as pessoas poderão agendar o recolhimento em domicílio dos seus eletroeletrônicos, como calculadoras, notebooks, monitores, televisores, relógios inteligentes, ventiladores e controles remotos.

“A população sempre cobrou uma campanha de arrecadação de eletroeletrônicos mais extensa, então o Limpa Natal também chega com esse objetivo. Queremos, ao final da gestão do prefeito Álvaro Dias, termos a coleta seletiva ampliada, campanhas de educação ambiental mais constantes, com a tecnologia usada a nosso favor, como a rastreabilidade dos eletroeletrônicos. A meta é a arrecadação de 50 toneladas de eletroeletrônicos”, indica o diretor-presidente da Urbana, Joseíldes Medeiros.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.